Translate this page:

Londres/UK

Veja segunda página de comentários com este link:http://ondeporai.blogspot.com/p/londresuk.html?commentPage=2 
As regaras da da imigração para o Reino Unido mais uma vez mudaram para estudantes sobre o Tier-4, então muitas das dúvidas esclarecidas aqui já estão ultrapassadas, pergunte novamente não siga os conselhos já dados sobre o assunto.



Devido a grande procura por informações referentes a Londres, e "se é para o bem de todos e felicidade geral da nação" eu crio uma página só de Londres/UK.

Aqui, tentarei dar links úteis e responder dúvidas específicas sobre intercâmbio. Se sua dúvida é sobre turismo, diriga-se ao post London.



Exemplo de dúvida:

"Onde morar em Londres? E quanto custa?"
"Como me matricular em uma escola?"
"Estou tendo probelmas com busca de residência, como eu faço?"
Enfim... perguntas de intercâmbio. Turismo é no post London.


Foto: Dj Eddie Halliwell @ Ministry of Sound, VVIP/AAA!

Como a pergunta mais frequente é sobre os custos para a viagem, aqui vai uma planilha com eles.
O valor mínimo é com quanto será necessário no mínimo, já o máximo é quanto é preciso ter caso as cosias saiam mais caras do que o esperado. O médio é o valor que vai chegar mais perto da realidade. Ou seja, tenha disponível o valor máximo citado na tabela por seguranca, mas busque atingir o mínimo.
Os precos estao atualizados de acordo com nova tabela de precos de 2012. 
A tabela:




Links úteis:


- Vistos no Reino Unido:

http://www.educationuk.org/
http://www.ukvisas.gov.uk/en/

Student Visitor: http://www.ukvisas.gov.uk/en/howtoapply/infs/inf2visitors#21552282
EC: http://www.ukvisas.gov.uk/resources/en/docs/ecgdocs/studentover18flowchart


-Escolas:

http://www.the-englishstudio.com/
http://www.malvernhouse.com/
http://www.avalonschool.co.uk/


- Críticas das escolas:

http://www.my-language-travel.com/language-school/English/United-Kingdom/London/
http://www.languagecourse.net/schools-london.php3


- Acomodação:

http://www.hihostels.com/
http://www.hostelworld.com/index.php?affiliate=hostelsworld.com
http://www.yha.org.uk/find-accommodation/london/index.aspx
http://www.booking.com/
http://www.eurohotelslondon.co.uk/
http://www.tripadvisor.com/VacationRentals-g186338-Reviews-London_England-Vacation_Rentals.html
http://www.flatmateclick.co.uk/
http://www.accommodationforstudents.com/
http://www.spareroom.co.uk/
http://www.opalstudents.com/


- Transporte & Shuttles:

http://www.tfl.gov.uk/
http://www.exclusiveairports.com/

Precos:  http://www.tfl.gov.uk/tickets/14416.aspx


- Passagens aereas:

https://www.decolar.com/
http://www.melhoresdestinos.com.br/
http://www.kayak.com/
http://www.submarinoviagens.com.br/


- Empregos:

http://www.e4s.co.uk/jobs/london.htm
http://www.gumtree.com/london/2553_1.html
http://jobs.guardian.co.uk/jobs/uk/england/greater-london/
http://www.justlondonjobs.co.uk/

375 comentários:

1 – 200 de 375   Recentes›   Mais recentes»
Luiza disse...

Coloquem suas perguntas sobre intercambio aqui.
att.,
Luiza

Orthiz disse...

Lu, valew pela dica sobre o visto!
sempre vou estar passando por aqui!
vlw vlw ;)

Orthiz disse...

Luz, tenho uma duvida, rs
boom, ficarei um mês lá, e nao sei quandas libras levar para gastar lá, com algumas baladinhas, metro, e coisas para trazer! :D

:D bj

Luiza disse...

Orthiz,

voce levarah 100 libras/semana em acomodacao, mais 10 libras/dia de alimentacao, mais um minimo de 15 libras/dia para a noitada, mais 30 libras/semana para transporte, mais 0 libras em museus, mais 4 a 8 libras em cinema, mais 30 libras/semana em mercado... Dah umas 170 libras/semana sem acomodacao, superestimando. Voce deve levar em dinheiro a acomodacao, e as 15 libras diarias necessarias, o resto vai pro cartao (nunca leve muito dinheiro vivo por risco de roubo). Vai ser umas 200libras/semana pra levar em dinehiro, foi mais ou menos o que tinha.

Abs
lu

Orthiz disse...

putz Luh
brigadãoooo meeeeesmo!
até meu pai ta lendo seu blog!

bj

Luiza disse...

Orthiz,
fiquei emocionada agora, porque nem o meu pai vem ler! hahah

Obrigada,
lu

Richard Ramos disse...

Olá, Luiza!
Vi seus comentários na comunidade do orkut, e já quase li o seu blog todo!!! Parabéns pelo ótimo trabalho e por ser tão atensiosa com todos!
Bom, eu, como muitos tenho muitas³ dúvidas sobre o intercâmbio :S. É meu sonho desde os 15 anos, e agora aos 20 tudo está caminhando para tornar-se realidade, Graças A Deus! Venho poupando um dinheirinho há um certo tempo, e já fiz uma pesquisa numa agência de intercâmbio mas após ler alguns comentários no seu blog, percebi que a agência está "tirando proveito" da minha ingenuidade. Vou colocar aqui todo o orçamento que eles fizeram, se possível dê uma analisada, e me dê sua preciosa opnião! Já curso inglês há 3 anos e meio, estou agora no High-intermediate, até o começo do ano que vem concluo o curso, estou fazendo intensivo!
Segue o meu orçamento:meu desejo é passar o maior tempo em Londres, solicitei um plano de 6 meses de estudos.
Agência Experimento.
*Cursos de Idiomas no Exterior 2011
País:Reino Unido
Cidade:London
Instituição:Embassy Ces/London
Duração:24 semanas
Carga Horária:24 semanas
Valor: GBP$ 3.794,40
* Acomodação
apto Individual 4 Semanas
Valor:GBP$700,00
*Taxas
Tx de Matrícula: GBP$ 81,00

TOTAL TERRESTRE :R$ 13.607,24
Tx de inscrição Experimento:US$ 150,00

*Passagem Aérea:
Valor a partir de: US$980,00 + txs

*Assistência Médica Internacional
Young Wes- A partir de 4 semanas
Valor:R$1.226,50 referente a 25 semanas

Como eu devo me acomodar depois das 4 semanas inclusas? Prefiro quarto individual, gosto da minha privacidade, e gosto de estar bem localizado e ao mesmo tempo gosto de economizar!
Quanto devo levar para passar "Sem apuros" 6 meses? Visto que levarei eletronicos daqui, comprarei apenas um celular lá, e precisarei de internet móvel lá, já li um pouco sobre isso nos tópicos.
e sobre ligações? Minha mãe é super procupada com a distância, e é por isso que demorei 5 anos pra convê-la... hahahaha ... terei que entrar em contato umas 5 vezes ao dia pelo menos, qual a melhor forma?
Roupas, já li que compensa comprar lá, é realmente em conta? Não sou muito de gastar, acho que gasto mais com livros, dvds e cds do que com roupas ... hahahaha

E tenho uma amiga no trabalho que morou lá por 8 anos, trabalhou como Nanny para uma única familia, estudou muiito, fez muitas amizades, trabalhou por fora tbm, ela voltou faz uns 2 anos. Na época em que ela foi ela tinha apenas 19 anos, com um inglês intermediário, com dinheiro para passar um mês, acabou arrumando um emprego e ficou lá por 8 anos! Ela me disse que não é dícifil mas vai muito da força de vontade de cada um,e é necessário saber economizar tbm! e Sobre trabalho, ela não sabe me informar como anda a situação por lá, mas na agência me informaram que só posso trabalhar 10 hrs por semana sendo estudante!
e a minha amiga informou que tem como trabalhar mais que isso, como se fosse "bicos", e com relação a isso, eu já trabalhei em salão de cabeleireiro, comecei o curso e parei na metade, ela me informou que é uma area boa lá e que dá pra levantar um dinheirinho extra, qual a sua opnião sobre isso???
desejo fazer algum curso voltado a publicidade, sabe me informar se lá tem escolas voltadas a essa area?

São tantas dúvidas e perguntas, me desculpa pelo super texto. :$

Agurdando ansiosamente suas dicas!

Desde já, muito³ Obrigado!

Richard :)

Luiza disse...

Richard,
fico super feliz de ver tantas semelhanças entre nós! Também pentelhava meus pais desde os 15 (era A briga para realizar este sonho), também só fiz intercâmbio com 20, tambem estudei inglês 3.5 anos, também sou high-intermediate!
Agora, vamos a análise:
> Destino: perfeito!
> Instituição: tá longe de ser a melhor e mais barata (The English Studio - “TES”... faço propaganda deles gratuitamente porque a escola é boa mesmo!)
> Valor: não condiz com o site da escola, veja: http://www.embassyces.com/schools/london_prices.aspx
> Valor na “TES” : £1280 (25/h semanais)
veja isto como a TES sendo 66% mais barato, ou como a CES sendo 196% mais cara. Sentiu o peso? Doeu não foi?
Site deles: http://www.the-englishstudio.com/courses/
> Acomodação na zona 1/2: £120/semana em quarto double, em 4 semanas fica £480/mês. Também doeu não foi? 700 é absurdo! Você pode alugar um apartamento em Soho (bairro chique) só pra você por este preço!!!
> taxa de matrícula NA ESCOLA: £60 geralmente.
Não tem outras taxas indo por conta própria.
> Passagens (US$900) com taxas(R$500): R$2500 em economica ou R$4000 em executiva e você tem direito transfer super chique, economizando £80, além do conforto!
> Seguro IAC (cobertura de 1 milhão de dolares): US$650, R$ 1300
O recomendado está em bom valor, e o mais caro é o IAC devido ao fato de ter a maior cobertura de todos.

- Meu Total: £1820(xR$2.8)+R$3800 = R$ 8896 (e meu orçamento inclui tudo), mas excluí a acomodação das demais 20 semanas.
- Agencia Total (somando tudo): R$13607.24 (curso e acomodacao) + R$300 (taxa agencia) +R$2500 (voo) +R$1226.5 (seguro) = R$17.63374
Ou seja, mais que o dobro! Tem certeza que vai na onda deles???
E tem o custo para visto, de cerca de R$500.

Acomodação: Se você pretende se acomodar por tanto tempo, procure já daqui em sites (indicados no post acima). Custará no máximo £120/semana em quarto double (cama casal), e no mínimo £60 em quarto compartilhado, qualquer valor fora disto é suspeito para as zonas 1 e 2.
Se estiver com dificuldades, vem aqui no site e eu te coloco em contato com meu amigo inglês que me acomodou por £90/semana no flat dele.

Gastos: você gastará no máximo £100/semana em comida, transporte e tal. Saia daqui com £2000 em dinheiro, e o resto vá depositando aos poucos no VTM e sacando. O celular custa £50 mais ou menos, e antes de fazer a recarga você deve aderir a promoções como “ganhe 300min internacionais” desta forma você fala muito com o Brasil por apenas £20/semana. E tem o Skype ai! É gratuito e você fala com ela por vídeo! Ou liga para casa pagando o preço de ligação local, então use e abuse do baratérrimo Skype.

Roupas: entra na primark, lá tem última moda londrina, feita na China é claro. E qualquer roupa que custar mais que £7 é cara, o normal é peça por £1, £3 ou £5! Casacos saem por £15/£20! Lavar roupa sai mais caro que comprar nova, e olha que os produtos lá são de qualidade, por incrível que parece! Tem uma costura torta aqui e lá, mas na Diesel também tem certo!? E a Diesel também traz suas roupas da China, Vietnam, Laos...

Livros, Cds, DVDs...: livro na europa é uma pechincha! voltei cheia deles e o mais caro que era um de fotografia que vendem por R$200 por aqui, custou £7! Já Cds e DVDs custão o mesmo que aqui, só que não funcionam no Brasil.

Emprego: sua amiga tinha uma vantagem: é mulher! O melhor emprego é o Au Pair mesmo, onde sua família paga tudo, e sem despesas, você só precsa juntar seu salário. É preciso economizar sim! Sempre!
Você só pode 10h, mas vão virar 20h se for em agência de eventos. Você ganha £6/hora... e se quiser ganhar mais, você também tem a vantagem de ser Homem! Trabalha num restaurante gay, onde ninguém quer trabalhar por preconceito, e você ganah £12/hora!!!
E se você já trabalho em salão, vai ter emprego! Sai distribuindo CV pela cidade!

Curso extra: o google sabe! é certo que tem, veja as faculdades que podem oferecer cursos do tipo.

abs
lu

Richard Ramos disse...

OMG :O

hahahahahahaha

woowwww

onde você mora e quanto cobra pra agenciar meu curso????
hahahahahaaa

trabalharei em qualquer lugar que, não tenho dessas frescuras.
Você tem msn?? se tiver que horas entra normalmente??
se puder me add pra conversarmos mais sobre, muiitas das minhas dúvidas!
ri_rcd@hotmail.com

Muiiito Obrigadooo mesmo, já vi que estava entrando em uma roubada¬¬
e sobre ir por conta sem a escola fechada, eu tenho medo e não conseguir o visto, pensie em ir por agência pq é difícil eles negarem o visto quando a agência é conhecida :S

Luiza disse...

Richard,
se voce for do Rio, dah pra eu te ajudar pessoalmente sim!
To sem msn infelizmente, mas tenho skype: Luiza Queroga (ou luizaqueroga).
Sobre necessidade de agencia pra visto, acho que nao ha, jah que eh voce que dah entrada e providencia documentos... mas vou confirmar isto com amigos que foram por agencia. A propria The English Studio tem escritorios no Sul e SP, veja pelo site agencias ou mande e-mail perguntando na parte de "contato".

abs
lu

Richard Ramos disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Olá Luiza
Parabéns pelo blog, vc nem
m imagina o quantos nos ajuda!
Estou indo para Londres em Agosto por apenas um mês, mas ainda não defini em que escola farei meu curso. Recebi orçamentos da St.Giles e Malvern house. A Malvern ficou bem mais barata fiquei com um certo receio quanto a qualidade ddo ensino... gostaria tb de saber sobre a localização das escola. Você poderia me ajudar nesta escolha?
Obrigada
Patrícia

Luiza disse...

Patricia,
a Malvern eh mais reconhecida e comentada. As duas ficam bem localizadas em Central London. Contudo, a Malvern eh mais conhecida entre os brazucas, entao voce encontrarah mais gente falando portugues por lah. Como voce vai ficar pouco tempo, evite os lusofonicos, para nao jogar dinheiro fora.
Tem tambem uma outra escola que eu sempre inico: The English Studio, que eh beeem barata, e credenciada. Como eh barata tem muitos latinos, maioria brasileiros, porem, os baixos precos sao convidativos.
Entre as indicadas por voce, eu escolheria a Malvern, por ser maior, organizada, bem localizada, e mais barata.

abs
lu

Anônimo disse...

Obrigada Lu pela informação! Estava com muito receio de que q Malvern não fosse uma boa escola, devido a difernça do orçamento; e pensei até, pelo valor bem mais alto (654,00 por 3 semanas de aula) e pelo que me disseram na agencia de intercambios, q a St. Giles era bem reconhecida e conceituada em Londres.
Estava vasculhando teu blog, com mais calma agora, e amei! Ótimas dicas! Com certeza vou te alugar mais vezes aqui com várias outras dúvidas, que irão surgindo com a proximidade da viagem. Já adicionei teu blog ao meus favoritos!
Bjs, obrigada
Patrícia

vanessa4321 disse...

Oi Luiza, tudo bem?
Tenho a mesma duvida da pessoa acima.
Estou quase fechando com a St Giles, por medo de cair em enrascada fechando com alguma escola desconhecida.
Essa escola que vc indicou é boa msm? Pretendo ir em janeiro e passar 1 mes e meio. Tem muito brasileiro nessa epoca?
Obrigadaa!
Bjo

Richard Ramos disse...

Luiza,

Conversei com a minha mãe sobre economizar e tals né, e ai ela falou q sim é vísivel o desconto, mas ela tem medo de me deixar ir por conta e as coisas não derem certo¬¬

mas whatever, vou fazer a cabeça dela até láaa!

;)

aii tenho mais coisas pra perguntar, mas hoje já acordei atrasado pra aula, e está frio :S
tenho que ir, a noite quando chegar dou uma passada aqui pra dar uma lida ;)

Luiza disse...

Vanessa,
não posso afirmar que St Giles é ruim, mas não conhece ninguém que estudou lá, e é menos comentada que a Malvern, além de as estruturas da Malvern e Avalon, por exemplo, são das melhores. Estas últimas tem várias filiais/campus e grande número de alunos, e eu até conheci gente que estava estudando lá e amando! Aparentemente tem muitos árabes e japonêses nos níveis mais baixos destas escolas pelos relatos de amigos. O que é bom se você quer fugir do português e interagir com culturas bem diferentes. Já os níveis mais avançados tem muita diversidade.

Richard,
eu entendo a preocupação da sua mãe e até apoio.
O que você pode fazer é levar suas pesquisas pra agência e dizer: "eu quero isto", e eles cobram as taxas deles em cima e cuidam do visto pra você (como me disse). Assim você já reduz o preço, e tem o "apoio" (irreal na minha opinião) da agência. E fique sabendo, não tem "se as coisas não derem certo", elas Não vão dar certo! Eu sou neorótica da organização e se algo sai fora dos planos eu enloqueço, então você vai encarar várias situações assim, vai ter de manter a cabeça fria e se virar. Faz parte da experiência do intercâmbio, você aprende a resolver problemas sozinho.
Porém, se você ver que a agência dá um preço X e que você pode ter isto por 50% de X, então faça independentemente mesmo. Seu maior problema vai ser o pedido de visto talvez, fora isto tudo ficará certo, se você precisar de ir a hospital eles são bons e públicos, se não gostar da acomodação é fácil trocar de casa, e se tiver problemas com a escola basta resolve-los na sercretaria. Você consegue!

abs
lu

Anônimo disse...

luiza!!

primeiramente parabens pelo blog!! muito bom e tira muitas duvidas e ate tranquiliza um pouco o pessoal que vai e suas respectivas familias!!

bom...

termino a faculdade em 2011 e vou para londres ficar 1 ano no minimo... (quem sabe da certo e eu consigo me manter por mais tempo la neh) =)

até la vou juntando dinheiro aqui pra me manter antes de arrumar um emprego lá...

estou pensando em ir por conta propia, pois tenho 2 primos em londres e tenho cidadania italiana.

quanto de grana vc acha ideal eu juntar pra chegar la e nao passar necessidade em alimentação, transporte, estudos (ingles), e outras coisas...

vc me aconselha em alguma coisa? do tipo:
-nao morar com brasileiros (forçar o aprndizado do ingles)

-ir para outro pais com adaptações mais faceis

-nao levar muita roupa do brasil

bom, acho que é isso! rs

é acessivel conhecer outros paises da europa?

vc tem msn??

beijao,

Luis Fernando.

Luiza disse...

Luis,
obrigada!

Recursos: você vai precisar de ao menos £200/semana. É quanto você vai gastar, e não vá pensando que seu emprego vai pagar a sua sobrevivência logo de cara. Você é imigrante e vai pegar sub-emprego primeiro, vai ter restrições, e se quiser permanecer por mais de 3 meses lá terá de provar ter recursos ou um empregador para então se tornar residente (confirme isto! brasileiros dizem que não é assim, europeus me dizem que é assim).
Tomando estes valores e vendo que há 52 semanas no ano, aproximadamente, é necessária a quantia de £10,400 para se manter e provar que pode se manter. Este valor pode aumentar de acordo com seu padrão de vida por lá, levo em consideração o curso, alimentação em casa, acomodação e transporte.

Evite brasileiros a qualquer custo se sua meta é aprender inglês. Vai ter milhares (milhares mesmo são uns 300mil) andando pelas ruas de Londres, então evite encontrá-los não só nos pubs, mas também nas escolas e em casa.

País de adaptação mais fácil?! Não há pais mais adaptável, é uma mistura de culturas, e o estilo de vida não fica longe do das grandes cidades brasileiras, então é fácil de se adaptar, mas cuidado com jornais e televisão que por lá são horríveis e podem causar "ignorancíti aguda"!

Não leve roupa, vá pelado! Lá roupa é tão bonita e barata, espera até conhecer a Primark pra entender o que esotu falando.

Conhecer outros países apartir de Londres é a coisa mais f'acil do mundo! Você consegue ir de trem a Paris ou quem sabe de avião à Tokyo?! Passagens são baratas, e há vôos diários para qualquer buraco, até pra Bagdá! Se morasse lá por tanto tempo dava pra rodar o mundo facilmente.

Não tenho msn, mas me encontra por Luiza Queroga em qualquer lugar, seja Skype, facebook, orkut e afins.

abs
Luiza

Richard Ramos disse...

Luiza,

vim te atormentar mais um pouco :$
sauhsauhasuahsuahsh

verifiquei com algumas pessoas que estão plenajando ir para Londres tbm, e o medo de todos é o mesmo: o bendito visto!
A maioria pensa em fechar com agências por acharem que eles "mexem uns pauzinhos" e facilita o visto, mesmo sabendo que com agência vc acaba pagando o dobro e tals!

:S

estou montando um "roteiro", com tudo que venho anotando de infos, e dicas para levar na agência e verificar o que eu posso conseguir de desconto. Uma das coisas que eu você me falou e me deixou :O é com relação ao aluguel, pelo programa deles 1 mês com acomodação por 700 GBP$, com quarto (se eu der sorte)individual, ou para 2 pessoas, lendo seus comentários vi que dá pra super economizar com relação a estadia.Se não tiver jeito mesmo e eu tiver que fechar com a agencia, fecharei só um mês de estadia, e o restante me viro com as anotações que colhi aqui e vou atrás de algo por conta.
O pro blema que é minha mãe é muito medrosa e tals, mas já estou convencendo meu pai que economizar é bem melhor do que esbanjar dinheiro, com a "certeza" e "segurança" que a minha acredita que agencia oferece!

Mas enfim, torcendo muiito rpa que tudo dê certo, nessas semanas que estão por vir, que ai terei uma resposta muiito boa se Deus quiser, e quem sabe posso até antecipar a minha dia!

Obrigado mais uma vez Luiza!

Beijos

Bom FERIADOO ;)

Luiza disse...

Richard,
as agencias nao mexem pauzinhos, mas organizam os documentos necessarios e fica com voce a parta da entrevista, de ir ateh o consulado.
Leve mesmo as suas pesquesas e mostre a agencia que voce nao eh bobo. So na moradia ficou claro o abuso da empresa (dica: pelo escola The English Studio voce consegue fechar curso e acomodacao na zona 1), por muito menos voce tem um quarto com cama de casal na zona 2, saindo a 120 libras/semana.
Se precisar da agencia, voce pode fechar apenas 2 semanas. E o resto direto com a escola em Londres (1 mes de antecedencia), ou por sites confiaveis.

A agencia nao oferece seguranca, eh a primeira a correr e te mandar esperar na hora de resolver algo. Eles sao bons pra quem faz High School ou fica soh 1 mes, ai eles ajudam, mas curso de linguas de longa duracao, depois de fecharem tudo para voce, eles terao descao total (cansei de ver, e com tinha previsto ao ir a agencias que nao me diziam o que fazer em situacoes de emergencia, e me chamavam de "pessimista" mostrando a incopetencia e me respondendo como quem nao tem reposta).

Que tudo corra bem ai! Qualquer coisa, venha perguntar.
Bom feriadooo (meu caso vai ser soh estudar mesmo).

abs
lu

Richard Ramos disse...

Luiizaa

é eu sei, que a parte do visto e tals é por minha conta!POdemos falar mais sobre boas acomodações e tals, pra eu já ir pesquisanod anotando, se tiver como dar uma olhada em site, ou sei lá, pra eu já poder ir fazendo os orçamentos e tals, pq já estou certo de uma coisa, se eu for fechar com a agência será pra 1 mês de acomodação. E com relação a escola levarei sobre a The English Studio, e veremos o que eles irão propor!

acho que é isso!

Obrigado novamente!

Bons estudos !
;)

Luiza disse...

Richard,
nos links acima, na postagem, tem sites por onde voce pode procurar acomodacao; e a escola para qual voce vai tambem oferece acomodacao por cerca de 100 libras.
Uma boa acomodacao custaria 120 libras em quarto individual entre as zonas 1 e 2. Veja aqui alguns:
http://www.accommodationforstudents.com/searchresults.asp?city=London&lookingfor=flat&searchtype=city&numberofbedrooms=&cost=150

abs
lu

cdgt disse...

Luiza,estou querendo fazer como vc fez: programar o intercâmbio sozinha. Só estou tendo problemas em encontrar acomodação legal e mais barata. Pelas escolas está saindo em média entre 550 a 900 libras. Vc teria alguma sugestão para me ajudar nessa busca? Seu blog é 10! Bj Cintia

Luiza disse...

Cintia,
bem, 550 libras sao aceitaveis, visto que o aluguel custa 120 libras/semana e ainda ha um adicional de umas 50-70 libras pelo servico da escola, contudo, mais do que isto eh absurdo, e voce encontra acomodacoes para longo prazo por 100 libras, sendo bem localiazdas, basta procurar nos links desta pagina.
Se tiver grandes dificuldades (ultimo caso), volte aqui q eu tento me informar de alguma vaga aberta para voce com amigos.
abs
lu

evelyn disse...

Luiza, como deixar as agências de lado e ir por conta própria? Eu entro contato com eles via site/e-mail e paga o curso aqui no Brasil mesmo? É tranquilo fazer isso?

evelyn disse...

Esqueci de falar: estou ficar 4 semanas, mas quero fazer o curso por apenas 2 semanas, pois já sou fluente (o curso seria um pretexto). Nas outras duas semanas, quero passear. Conhecer outros países. Será que tem problema comprar passagem de 1 mês e estar matriculado por apenas 2 semanas?

Desde já obrigada pela a atenção!!

Luiza disse...

Evelyn,
exato! Voce vai ser sua propria agencia, vai ter o trabalho que elas tem de ligar e fechar acomodacao, escola, seguro, passagens, e tudo mais.
Voce comeca entrando em contato com uma escola por e-mail (por telefone no caso de maiores duvidas). Algumas escolas te possibilitam pagar o curso diretamente com cartao de credito. Em seguida voce entra em contado por e-mail com eles pedindo a documentacao e teste necessario, e prova de inscricao. Eles te enviarao tudo por e-mail e DHL (peca isto).
O seguro viagem tambem eh contratado pela internet, assim como as passagens, tudo pago no cartao de credito.
A parte mais complicada eh a acomodacao, pois voce terah de procurar com a escola em que se inscreveu, ou por sites de busca. Eh necessario entrar em contato por e-mail e telefone com a pessoa que esta te alugando o quarto. Dependendo do tempo de contrato o preco cai, e voce precisa colocar um depoisto de uma semana ou ateh um mes no caso de longos contratos. O responsavel pelo aluguel deve ter mandar uma carta, tambem por DHL e e-mail como prova, dizendo que te recebe.
Tuda documentacao pedida pela imigracao, entao, deve ser entregue ao consulado ou/e na chegada ao territorio britanico.
Eh simples, voce soh nao terah uma "babah" fazendo tudo por voce antes de embarcar. Depois de embarcado a agencia eh um tanto negligente com voce, que vai ter de se virar soh de qualquer forma.

abs
lu

Luiza disse...

Evelyn,
nao tem problema, mas tem de provar isto ao oficial da imigracao. Contudo, se voce nao fez curso no exterior antes, pode ter certeza que nao es tao fluente quanto imaginas. Eu tambem me achava muito boa, mas bastou desembarcar em Londres para ver que o ingles britanico era um desafio, eles usam mais palavras, mais vocabulario, e tem um sutaque ruim.
Uma acomodacao de 2 semanas vai te custar caro, eh muito pouco tempo, entao procure uma homestay com a escola. A imigracao nao implica desde que voce tenha provas de que vai viajar depois (tickets de trem e reservas de hotel).

abs
lu

Evelyn disse...

Olá, Luiza. Muito obrigada pelas informações!!!
Acabei de enviar mensagens para 3 escolas (LSI, Malvern House e The English Studio). Espeo que me respondam.
Vi no orkut que você foi para a 3ª escola? Você gostou? Teve problemas c/ a escola tratando tudo com ela?

OBRIGADA mais uma vez!

Luiza disse...

Evelyn,
eu sou do tipo que enloquece se nao tiver minha solicitacao/pergunta/reclamacao atendida em 24h. Eu estranhei a demora deles de me enviar um teste; o resultado deste; a carta da escola por e-mail e DHL; e um e-mail com minha sala, nivel, professor, local e demais instrucoes. Enchei o saco deles enviando e-mails todo dia ateh ter o documento/resposta necessario(a).
No final correu tudo muito bem, tinha toda documentacao em maos, o horario, sala, e local do curso, alem do nome do professor e tudo o mais. Teve gente que nao caiu em cima, e perdeu o primeiro dia descobrindo qual era a sala e tal, o q jah conta como falta. Por isso organizacao eh essencial.
A escola eh muito boa, os professores sao otimos! Amei todos eles! O pior professor dos 4 que peguei, era infinitamente melhor do que os que tive em curso brasas e etc.
A escola tem laptops disponiveis para uso na secretaria, as salas sao medias, com ateh 18 alunos em aulas de conversacao, e uns 10 na aula de general ingles, ha biblioteca para alunos que pagam seu acesso, e o livro custa 20 libras e eh otimo! Eh de um metodo inovador de ensino, que todo mundo tah adotando para parendizado de linguas agora, no qual ha debates em sala, e eh menos gramatical, digamos assim.
Sem falar que esta escola eh a mais barata de todas no centro de Londres.

abs
lu

coop disse...

Luiza, Obrigada pelas respostas. Já esclareci várias dúvidas pelo seu blog. Então, sobre a Malvern, qdo vc fez o curso tinha muitos brasileiros? Sua classe tinham qtos alunos e qtos eram brasileiros?
Sobre a acomodação, será q vc se importaria de ver com seus amigos se eles vao ter um quarto para o mês de Setembro (do dia 11 até o dia 09/10)? Talvez uma amiga minha tb queira ir, mas nao definiu nada ainda.

Até mais,
Boa semana

Luiza disse...

Coop,
sobre a Malvern eu nao sei, mas ouvi falar que as classes sao bem misturadas. Se voce tiver em nivel avancado e dificil fugir dos brasileiros em qualquer escola. Na The English Studio eles tem um problema, eles nao conseguem evitar de concentrar mais uma nacionalidade na sala, jah q eles nao ficam fazendo rodizios de professores e classe com frequencia, o acho bom pra ficar confortavel, mas ruim por nao ter demasiados brazucas ou espanhois na mesma sala.

Sobre acomodacao, perguntarei a amigos londrinos que possam te receber por um valor q eles vao dar. Tambem verei dicas com amigos que estaram liberando quarto a esta altura. Vai ser dificil arrumar acomodacao para voces ficarem juntos, mas consigo casas separadas.
Contudo, ainda eh cedo, me cobre isto no inicio de julho (em 30 dias), pois fica mais facil e certo de achar para setembro.

abs
lu

Anônimo disse...

Lu, to adorando seu blog, cada vez eu descubro algo interessante nele.
bom, vou fazer meu intercambio pra londres em novembro, ficarei somente 4 semanas.
e oque estou preocupado é com o visto.
como voce ja disse aqui, voce nao acha necessario pagar para tirar aqui no brasil quando vai para ficar somente 4 semanas.
e quando chegar la? tenho que comprovar N coisas, (passagens de volta, escola, acomodação pagas..) e mais oque?
to meio com medo, pois eu tenho cerca de só 2.000,00 libras na minha conta e vou levar cerca de 600,00 comigo.
e isso que me deixa com medo...
sera se consigo entrar de tranquilo ou sera necessario mais money?

agradeço desde ja.

Luiza disse...

Bem, mesmo com o visto tais documentos podem ser pedidos. Basicamente vai perguntar o q vc veio fazer no UK, carta da escola, quando volta ao Brasil/passagens, prova de acomodacao, e soh. Os demais docs (renda/cash, vinculo com o brasil eh comum de pedir, dentre outros diversos a criterio do oficial) , serao pedidos no caso de suspeita, e voce terah de te-los, e nao ter mentido para imigracao.

A quantia que voce tem eh mais do que a necessaria. Tenha em maos a movimentacao do seu cartao de credito dos ultimos 3 meses, e tambem um extrato,ou algo que prove o quanto vc tem disponivel no dia da viagem. Se seus pais ou amigos tiverem recursos eles podem te dar uma carta de Sponsor, se responsabilizando por todos seus gastos, e ai voce precisa de anexar os extratos desta pessoa. (o modelo se encontra no final da barra a direita).
Se necessitar pagar acomodacao em dinheiro, lee esta quantia, a mais.

abs
lu

coop disse...

Lu,
Obrigada pela resposta. Continuarei acompanhando seu blog e no inicio de Julho voltamos a conversar sobre a acomodação.

Irei ver com minha amiga o que ela pretende fazer então.

Boa semana,

Cintia

evelyn disse...

Só para me esclarecer melhor sobre isso, Luiza: não preciso tirar visto aqui se for ficar apenas 4 semanas lá??! Isso é feito lá na hora mesmo na imigração? E nesses caso tenho que levar todos os documentos para comprovar o que eles pedem?
Obrigada!

Luiza disse...

Evelyn,
voce nao precisa dar entrada em visto! O visto eh obrigatorio aqueles que pretendem ficar por mais de 6 meses no territorio britanico.

Ha um "pre-visto", digamos assim, o qual voce dah entrada aqui e pode apresentar na imigracao pra evitar de apresentar toda a papelada naquela situacao, mas isto nao eh garantido, o oficial pode pedir de qualquer forma. Este visto ("clearance visa" eu acho), eh recomendado apenas a quem jah falhou em ingressar no UK antes. Nao eh seu caso.

abs
lu

evelyn disse...

Obrigada mais uma vez! E, mais uma vez, outra pergunta rsrs...
Em relação à acomodação? Vc fechou homestay c/ o curso ou preferiu outro tipo de acomodação? O que você me recomenda? Confesso que, pelo que andei lendo, as pessoas têm experiências não muito agradáveis em homestay.
Outra dúvida: é melhor comprar logo a passagem ou só depois que fechar tudo c/ a escola??

Luiza disse...

Evelyn,
eu fiz tudo 100% por conta propria, nao procurei nem a escola para isto. Pesquisei bastante e percebi que homestay em Londres nao era como eu imaginava, jah que as familias tem como objetivo ter renda extra e nao interagir com voce e tudo o mais, com sorte pode ser que haja uma troca cultural, mas eh pouco provavel. Alem de que algumas casas tem varios estudantes, fazendo do local praticamente uma republica.

Eu entrei em contato com conhecidos em Londres, gente que encontrei pelo Rio e minhas andancas por ai. Um amigo me ofereceu um quarto no seu novo flat, achei o preco otimo, e a oportunidade de ter apenas um flatmate, ainda por cima britanico foi irresistivel.

O homestay eh ruim, mas talvez seja uma boa no inicio ateh adaptacao, em seguida voce se muda. No mural da escola vao haver anuncios de vagas, e a propria escola pode te arrumar vagas em flats, e nao necessariamente homestay, pela cidade.

Quanto a passagens: compre sempre apos confirmacao de inscricao com o curso, ou seja, eh o segundo passo.

abs
lu

Anônimo disse...

Luiza

Estou acompanhando seu blog, muito bom. Parabens!!!

Tenho uma pergunta para te fazer, meu namorado vai ficar 3 meses em Londres, o que vc acha desse namoro a distancia?

Luiza disse...

bem... conselhos amorosos?! hahah ok, nao vou deixar de responder.
Tambem sou expert em namoros a distancia, e nao eh lah muito dificil, soh eh ruim quando bate a saudade e inseguranca. Se voce confia e sabe que seu namorado nao vai aprontar, fica tudo bem, mantenha contato diario por Skype ou telefone.
Se voce nao confia... nao tem porque manter tal namoro. Separa, e depois retoma se assim desejar, ou vai soh "ficando" mesmo, soh nao mantenha um compromisso que nao pode ser comprido.

abs
lu

Anônimo disse...

Lu, temos que tomar vacinas para entrar em londres?

obrigada;

Luiza disse...

Nao,
nao eh necessario. Se voce tiver certificado internacional de vacinacao contra febre amarela, leve com voce sempre por precaucao, mas nao eh necessario para Inglaterra.
abs
lu

Evelyn disse...

Luiza, deculpe a ignorância, mas o que é EC??
As pessoas dizem que tem que receber isso depois que fazem a matrícula.

Luiza disse...

Evelyn,
lembra o q eu falei daquel "pre-visto" que eh desnecessario, mas voce pode pedir. Eh o Entry Cleanrance, apelidado de EC. Ele nao garante sua entrada, mas eh util aqueles que jah tiveram visto negado pois mostra que o consulado tah te apoiando nesta segunda tentativa. Aos que vao em primeira viagem, nao eh util, jah q o oficial vai pedir pra voce confirmar tudo o que vc apresentou para pegar o EC.

abs
lu

Anônimo disse...

Luh, qual cartão de credito devo levar para usar em londres?
e voce poderia me disser se é caro o metro? pois vou usar durante 30 dias e nao tenho noção de quantos vai custar!

abrs

Luiza disse...

Todos! Pegue todos os internacionais q tiver e leve, nao esqueca de avisar o banco da viagem. As bandeiras mais aceitas sao: Visa e Mastercard. Os bancos mais favoraveis a usar no exterior sao Santander, Bradesco e HSBC. O Itau tem demasiadas taxas, apesar de dizerem que dah tudo no mesmo, meus extratos nao mostram isto, cada um tem suas taxas e anuidades, cambio e etc.

O metro custa no minimo 18 libras/semana para zona 1 apenas, e uns 36 libras/semana ateh a zona 4 apenas. O Oyster card que te dah desconto nas passagens, mas nao no passe semanal se bem me lembro, contudo, no caso de perda eh melhor jah q os creditos sao recuperaveis quando registrado o cartao.

Sendo umas 30 libras/semana, serao 120 libras/mes, e o passe mensal nao vale apena (sao 4x semanal e se voce perder o capital perdido eh maior).

abs
lu

pedro disse...

Oi lu, adorei seu blog e sua atenção com todos por aqui. Venho aqui como a maioria cercado de dúvidas. As quais seriam as negociações da viajem sendo tratada pela agencia, pois receio de fazer tudo sozinho e não consegui o visto. Quanto gasto pra viver sem dificuldades em Londres( vou passar 1 ano)? Onde devo ficar os primeiros meses que serão os mais difíceis sem duvida?
E o que mais me deixa preocupado, o meu nível de inglês é bem básico mesmo, vc acha que devo me “ferrar” muito por não saber muito inglês?
Bom entre milhares de outras duvidas que cerquem a minha mente estas são as mais preocupantes.
Agradeço a criação do seu blog e a sua atenção por todos!
Grande abraço e sucesso!
Guido

Luiza disse...

Pedro,
como seu periodo eh longo, de um ano, e tem receios vah por agencia mesmo. Repito e repito a recomendacao do The English Studio, pois eh barata mesmo, e eles tem agencias no Brasil que podem te auxiliar com o visto, entre em contato com eles se tiver interessado nesta escola e nos seus bons precos. Eles te divem onde ir, onde tem agencias deles perto de voce.

Para passar um ano nao vai ser tao caro por dia, mas no total. Seu contrato de acomodacao pode ser de longa duracao, aconselho um de 6 meses ou menos, e nao um ano, pro caso de querer se mudar devido a problemas que sao normais quando se compartilha uma residencia. O aluguel para 6 meses eh muito barato e facil de encontrar, costarah umas 500 libras/mes na zona 2 em quarto de casal. E nos primeiros meses voce jah pode se hospedar assim, mas se quiser tempo para visitar flats e se adaptar, fica em homestay por 1 mes.
Fora isto, voce gastarah umas 15-20 libras/dia (entre transporte, comida e pequenas despesas).
Acrescente ai suas despesas de "turista gastao" (normal sair comprando eletronicos, comprar roupas e ir pra noitada).
Voce deve lembrar que voce nao vai lucrar em 1 ano lah, mas sim diminuir suas despesas. Voce vai gastar mais do que ganharah, o contrario nao eh normal de ocorrer, mas pode ocorrer.

Voce deve "se ferrar", sem ingles voce soh vai pegar emprego baixo e mal pago, se pegar, mas acredito que voce esteja exagerando, aposto que tem nivel intermediario ao menos, nao serah problema. Fluencia voce ganha em um mes, como um amigo espanhol que passou por isto, tinha um ingles precario, mas logo tava fluente uma vez que jah sabia ler e escever bem. Se voce realmente eh fraco na lingua, nao dou 4 meses pra voce estar se sentindo um ingles. E pegarah melhores trabalhos com o tempo.

abs
lu

cristiane disse...

Olá boa noite, vc criou um blog muito legal e percebi que vc tira varias duvidas.

Não sei se vc conhece a Golders Green College que fica em Londres, se vc conhece queria saber o que vc acha dela?

Obrigada

Luiza disse...

Cristiane,
eu nao conheco esta, mas pelo google maps, vejo que nao eh bem localizada. O bom seria uma na zona 1. A The English Studio, onde eu estudei e gostei, fica na zona 1 e eh bem barata, mas do que esta para onde voce pretende ir. Eh uma escola nova que tem crescido muito por lah. Jah fica a dica.

abs
lu

Anônimo disse...

Lu,estou em setembro para londres, e uma das coisas super importate que temos que provar na imigração é que temos condições financeiras para viver lá, eu irei ficar 30 dias. quantos voce acha que devo levar e passar 'de boa' na imigração?
vou ficar em casade familia cm meia pensao.

Obrigadaa!

parabéns pelo blog

Luiza disse...

Primeiro: obrigada!
Bem, voce vai ter de levar o dinheiro vivo para pagar sua acomodacao se ainda nao tiver paga, e gastarah umas 10-20 libras por dia que voce tambem pode levar em dinheiro, 600 libras/mes. O que mais vale do que o dinheiro vivo sao os cartoes de credito internacionais, pegue um de dependente com seus pais com um limite alto ou o mesmo deles. Se voce jah tiver seu cartao, alem disso pegue os extratos do seu cartao, e do cartao do seus pais, que mostra a movimentacao dos ultimos 3 meses.
Se voce tem o VTM, tambem imprima o documento dizendo quanto tem nele.

Nao eh normal pedir para provar recursos, mas pode pode ocorrer. Na imigracao forneca soh os documentos solicitados pelo oficial e nada mais. Nao sai dando todos de uma vez, e ai que ele pode dizer que tem algo irregular em um documento, deixe que ele peca e voce vai dando soh o q ele quer especificamente.

abs
lu

cdgt disse...

Luiza,
Mais uma dúvida: vc conhece a escola UIC Vacation Courses? Ela fica Language House/76-78 Mortimer Street. Será uma boa localização em Londres?

Abs

Luiza disse...

olha, eu nao conheco a escola nem nunca ouvi falar. Mas o site me agradou, verifique se ela eh mesmo creditada British Council no site oficial, e nao na propaganda da escola (a lista tah lah em cima no post).
A localizacao eh otima! Nao podia ser melhor, entra a parte turistica e os bairros dos nobres.

abs
lu

cdgt disse...

Luiza,
Verdade?? Credenciada ela é, pois já verifiquei. Minha preocupação seria a localização da mesma. Uma outra coisa q me preocupa é a acomodação. Devo fechar com residencia estudantil, mas, para mim é meio estranho dividir a casa com mais de 8 ou 10 pessoas. Vc tem ou conhece algumas experiencias sobre isso? É tranquilo ou costuma dar algum tipo de problema? Será q tem outro tipo de acomodação mais interessante com menor custo/maior benefício???

Obrigada mais uma vez Lu,
Cintia

Luiza disse...

Cintia,
quanto a localizacao: eh perfeita.
Sobre dividir apartamento: tome banho de chinelos, cuide bem da sua comida na geladeira, brigue com quem nao lavou a loca, aprenda a limpar o banheiro na sua vez, e nao procure briga com os demais da casa. Tudo sorrerah bem, eu as vezes dormia na casa de amigos voltando de noitadas, e lah moravam ateh 10 pessoas na paz. Eh bom pelo mix de nacionalidades, e a troca cultural, todo dia vai ter alguem oferecendo um jantar tipico do seu pais.

Mas, se voce eh que nem eu: incapaz de dividir um banheiro, procure uma acomodacao com poucas pessoas ou banheiro no quarto, o que geralmente eh bem mais caro.
To vendo umas dicas de acomodacao com amigos que moram em londres sozinhos, e com brasileiros q estao dividindo flats... pretendo criar uma pagina ou link aqui para isto, mas ando sem tempo, e nao sei como fazer... mas fica ligada pra quando eu fizer, ai voce vem aqui e eh soh solicitar.

Mas eh isto mesmo. Quanto mais pela zona 3 e 4, mais facil serah de arrumar residencias com pouca gente, jah q nao eh muito cobicada, e os precos ficam mais baratos tambem.

abs
lu

cdgt disse...

Luiza,
Mais uma vez super hiper obrigada pelas preciosas dicas.
Espero q vc pegue estas dicas bem antes de Setembros...rs
Mas, se vc souber de alguem sozinho ou q esteja em algum flat q queira dividir, me avise, please.

Bom domingo!

Cintia

evelyn disse...

Luiza,
sei que vc não estudou lá, mas já ouviu falar algo sobre a Edgware Academy? O preço é de 235 pounds por 4 semanas (manhã). Aliás,o que vc me diz dos curso à tarde? Vi que são um pouco mai em conta. Se o horário fosse de 11:30 às 14:40 seria 195 pounds. O que me aconselha?
Aqui está o endereço:

64-65 Long Acre

Covent Garden

London, United Kingdom

O que acha da localização?

Luiza disse...

Evelyn,
ouvi falar sim quando estava procurando. Eh bem localizada, em area turistica, o preco estah bom. E sobre fazer a tarde, eu nao gosto pois assim voce perde o dia, mas se eh ateh 15h... ainda dah pra salvar alguma coisa. Se voce vai ficar soh 1 mes, apoio estudar pela manha para poder conhecer bem mais a cidade e pegar uma turma melhor, mas ficar a tarde nao eh tao ruim.

abs
lu

Dennis Nunes disse...

Olá Luiza,eu achei seu blog pelo orkut e gostei muito, tirou muitas das minhas duvidas e abriu meus olhos para algumas coisas, estou querendo fazer um intercambio em londres de 6 meses, gostaria de perguntar se você conhece uma dessas escolas ou se a localização delas são boas:

ST GILES COLLEGE LONDON HIGHGATE(no bairro residencial de Highgate, uma das "villages", a 20 minutos de metrô do centro da cidade.)

INTERNATIONAL HOUSE LONDON(em Mayfair. A escola fica localizada em frente ao Green Park)

EMBASSY CES LONDON GREENWICH(localiza-se na região de Greenwich,20 minutos de trem para o centro de Londres.)

ST GILES COLLEGE LONDON CENTRAL(a 5 minutos do famoso West End.)

Obrigado, Parabéns pelo blog
Abs
Dennis

Luiza disse...

Dennis,
se voce vai ficar 6 meses, preocupe-se em economizar sempre. Comecnado pela escola. A St Giles, pelo que vi eh carinha (confira isto), e ser longe do centro nao eh bom, pois pode significar estar muito longe de sua acomodacao, a nao ser que tenha certeza de que vai morar do lado dela.
Quanto as outras duas, eu soh ouvi falar desta Embassy CES e me pareceu boa, mas nao conferi os precos.

Escolha pelo criterio: 1* preco e 2* localizacao (centro ou perto de casa).

Eu estudei na The English Studio, e conheci uma galera da Avalon e Malvern, e soh. Entao o unico criterio que eu levo em consideracao para dar um palpite destas que nao conheco, sao os listados acima.

abs
lu

coop disse...

Outra dúvida Luiza,
Vc acha q é vantagem tirar a carteirinha de estudante(ISIC)para usar em London ou até para viagens para outros países ali perto?Uns dizem q sim, outros, não.
Obrigada
Cintia

Luiza disse...

Cintia,
eu acho desnecessario, nem todo lugar aceita, e se aceita o desconto nao deve ser monstruoso. Mas talvez seja valida, minha opiniao eh daquela que "nao comeu e nao gostou", eu nunca usei, e quando preciso provar que sou estudante, aceitam a minha brasileira em portugues mesmo sem problemas, nunca foi recusada. Parece que esta ISIC tambem tem desconto em albergues e tal, devido a parceira e nao ao fato de voce ser estudante. Ai cabe ver quais sao as parcerias deles, quais os descontos especiais voce pode pegar (no site deles tem eh certo). Ai voce veh se vale a pena pagar por ela.

abs
lu

pedro disse...

Oi lu, valeu pelas dicas!
Deixou-me bem menos preocupado e mais confiante que tudo dará certo no final!
Obrigado mais uma vez e boa sorte com o blog!
Abs!!!

pedro guido

coop disse...

Luiza,
Estou aqui novamente...
Já li algo sobre telefonia móvel no orkut. Será q vc poderia dar umas dicas? Compensa comprar 1 cel pós pago lá? Dps posso usar o aparelho no Br?

Abraços

Luiza disse...

Olha, leia brevimente o finalzinho do post London, as dicas disto tem lah.
Se voce for ficar bom tempo compensa um pos pago, e compra logo um Iphone ou algo super high tech, pois sai bem mais barato que pelo Brasil, e pegue-o desbloqueado. Certifique-se de que o contrato seja favoravel ao seu perfil, um plano de ligacoes internacionais e etc.
O seu mobile pode funcionar aqui se, e somente se, a operadora cobrir o territorio brasileiro, pergunte no ato da compra se cobre, entao voce pode usar os creditos ou gastar o valor do plano pelo qual voce tem direito.
Se o celular for desbloqueado (muita atencao na hora da compra para que seja), voce poderah usa-lo com um chip nacional aqui, sem problemas.
Tambem nao deixe de comprar um aparelho em caixa lacrada, eles sempre tentam passar a perna na gente. Passei por isto, sorte que deu falha a tempo de trocar, as vezes demora meses a aparecer e voce perde o direito a troca, entao compre em caixa lacrada!

abs
lu

coop disse...

Valeu Lu!!!

Como sempre, vc disposta a ajudar os marinheiros de primeira viagem. Vou seguir seus conselhos...

Bom jogo amanha para nós.

Abraços,

Cintia

Richard Ramos disse...

Luiza, posso comentar sobre o post do Dennis???

Bom essa semana irei atrás de 4 agencias aqui em SP que fazem pacotes com a the English, vou ir pesquisando e no fim de semana posto aqui com relação ao que eu conseguir coletar por ai!

:)

Luiza disse...

Otimo Richard!
Muito obrigada, assim que voltar aqui eu completo o post lah em cima com as informacoes que voce tem.
Obrigadao mesmo! Vai ajudar a galera que me pergunta isto e nunca sei responde, jah q soh falei com a escola por e-mail diretamente.

abs
lu

Anônimo disse...

Lu, Parabéns pelo Blog to adorando :D

vou ficar 4 semanas, (ainda nao sei ql zona,to esperando a agencia me passar as informações)
e vc disse que tem cartões do metro que pago para usar 1 semana, 1 dia. etc...
para 1 mes quantos devo reservar para pagar?

obg ;D

Luiza disse...

Obrigada!
Bem, com o oyster card, comprando o passe semanal você ganha 30% de desconto frente ao day pass, ou seja, o passe semanal cust 7xday pass -30% de descnto dado no oyster. Nisso sai por umas 30 libras/semana na zona 1/2/3, por exemplo.
Já o passe mensal nada mais é do que 4 vezes o semanal, sem desconto adicional algum, então, pelo mesmo exemplo, você pagaria 120 libras/mês. Então entre o semanal e mensal não há desconto. O que entra em questão é a possibilidade de perda de cartão e não recuperação do pass nele, ai se você tem o passe mensal teria perdido umas 100 libras, e no passa semanal você teria perdido umas 25 libras. Sendo assim, é melhor ficar com o passe semanal evitando perder dinheiro junto com o cartão, e já que o mensal não te dá nenhum desconto a mais.

abs
lu

Mario Prado disse...

Como assim em restaurante gay se ganha o dobro do salario minimo?? Eh serio isso?? :D

Luiza disse...

Mario,
eh serio! =)
Nossa diversao era ver se os colegas seriam contratados em um ou nao. Eles pagam mais de 10 libras/hora. Mas vai ter de usar roupinhas super fashion!
E tambem tem pubs/clubs em Regent's Park e outros bairros chiques que pagam bem as meninas maiores de idade que tem atributos e sabem dancar. Nao confundam com casa de prostituicao, pois nao eh, mas os clientes de certo confundem.

Jah fica a dica pra as meninas que tao se aventurando em qualquer coisa, legal, que de boas remuneracoes.
Jah para os rapazes, eh bem mais seguro, os gays nao desrespeitam, voces nao tem de dancar, e o publico eh mais divertidos.

abs
lu

Anônimo disse...

Lu
qntas calças, camisetas e blusas
devo levar para passar 4 semanas no inverno em londres?!
considerando que vou poder lavar roupa 1 x por semana!

vlw

Luiza disse...

Perguntando a pessoa errada, se eu pudesse levar todo meu armario eu levaria!

O correto eh levar 2 pares de tennis, outro pra noitada (salto alto pras meninas ou sapatilha q eh bem mais usada por lah), duas calcas jeans tao de bom tamanha, 5 blusas casuais, 2 de sair, e uma calca/saia pra noitada.
Como eh inverno, as roupas devem se estas de tecidos mais pesados, e leve 1 sobretudo. Se quiser comprar mais um lah custarah no maximo 100 libras o mais chique. Leve tambem meias muito grossas, e compre luvar ao lado da Primark numa loja pra turista, eles tem coisas boas. Leve cachecol, essencial!

Nao leve mais do que isto! Voce compra tudo lah baraterrrimo, entao vah pensando em comprar roupas lindas e baratas, leve menos do que os itens citados acima. E nao esqueca do pijama. As meninas devem comprar meia calca grossa na Primark.

A unica coisa que nao recomendo comprar sao: SAPATOS! Brazilian shoes are the best! Sao vendidos carissimos lah pois eles sabem que os calcados europeus sao uma porcaria. Os unicos saltos que quebrei na vida, foram europeus, uma bosta!

Aos friorentos como nordestinos e cariocas: compre roupas termicas aqui. Custam uns R$200 o conjunto, a ser usado sob a roupa. Eh util nos primeiros dias, dpx vc se adapta e o deixa de lado.

abs
lu

Raissa disse...

Luiza,
li o ínicio aqui da sua conversa com o richard e peguei algumas informaçóes :p Eu não to exatamente na mesma situação até porque eu nem de me decidi completamente, faz tempo que quero morar em londres, mas nunca achei q pudesse ir por causa do meu curso.. A diferença é que agora n sei o que aconteceu que quero ir de todo jeito, por isso tenho duas opções (e só pode ser agora: ir por 3 meses nas férias em dezembro ou trancar meu curso e ficar por 6 meses, ambas opções estudando inglês. Queria saber se pode me ajudar também!
To vendo que tem mta gente tirando dúvidas, mas se puder, me esclarece uma coisa: vc acha então que dá pra ir sem entrar em contato com agência (já que sai até mais barato)?
Vi os sites de acomodações (casalondres) e vi o site da english studio, malvern e avalon.
Você pode me ajudar em como organizar por conta própria, então? (quero nada né.. rs)
bjo
Raissa

*desculpa a bagunça no texto

Luiza disse...

Raissa,
fique calma, nao atrase seu curso. Eu faco faculdade, e a mais pesada possivel, qualquer atraso eh horrivel. Voce pode evitar isto como eu. Peguei meus 3 meses de ferias e fui para europa. E quando soh tenho 2 semanas de ferias como agora, mato a ultima deste periodo e no maximo as duas primeiras do proximo, optimizando o tempo, mas isto soh quando viavel e possivel, nao faca loucuras. Acho 3 meses de ferias a ocasiao perfeita. Deixa pra estender para ateh um ano depois de formada, fazendo um mestrado lah ou algo assim, que nao sai tao caro.

Dah pra ir sem agencia intermediando tranquilamente, esta foi a dica de varias amigas minhas, e eu entrei na onde delas, fiz tudo por conta propria, e foi bem melhor jah que sou exigente e me irrito se nao tenho o que foi contratado (problema normal de acontecer com agencias).

Sai super mais barato, voce nao imagina o quanto. Contudo, tem agencias diferentes como a Rotary (nao deve ter seu perfil) e a Daqui pro Mundo (me pareceu super barata e responsavel).

Se quiser um help eu to aqui para isto. Dah um pulinho nesta pagina e solicite a informacao desejada, eu te respondo. Se necessario, e vc tiver aqui no Rio, ainda tomamos um cafeh juntas.

abs
lu

Raissa disse...

Luiza,
eu moro em Natal haha
eu ia aí em outubro pra um congresso, mas desisti hoje.
Eu só cogitei a hipótese de trancar por 6 meses porque ainda to no 3º ano de curso e faltam mais 3, ou seja, viajar só daqui a 3 anos? =\ Corro o risco de me arrepender (claro, as duas opções tem risco igual de arrependimento, tem essa!) e passar 3 anos me lamentando haha
porque se não trancar agora, n tranco mais pq começa o internato... Sentiu a situação né? :S
Pois bem,
vou aceitar seu conselho de fazer por conta própria (lê-se: com sua ajuda) rs
Como eu disse, até agora só li os sites dos cursos e esse de acomodação. Sobre essa "casalondres" vc sabe dizer alguma coisa? (se vale a pena ou melhor procurar outra). Já fiquei em hostels lá (um deles foi o the generator e outro q n lembro agora), mas achei as "casas" mais baratas, não?

Luiza disse...

Raissa,
eu nunca ouvi falar deste site, entao pesquise para verificar se eh confiavel.
Para se hospedar em uma casa voce pode procurar nos links listados lah em cima, voce pode filtrar a busca de acordo com sua preferencia. E sao sites confiaveis.

Sobre a faculdade... eu sempre evito atrasos, iria por apenas 3 meses durante ferias, mas cada um tem um objetivo diferente. Se voce julga melhor, tranque, sem arrependimentos.

Qualquer duvida, mais uma vez digo: passe aqui, to a disposicao!

abs
lu

Raissa disse...

oi luiza,
eu estou olhando os sites das escolas: avalon, malvern, british study, uic london e oxford house college. Tá difícil decidir porque não conheço ninguém que já foi. Sobre quais delas vc já ouviu falar? E elas oferecem ajuda para acomodação, será que vale a pena? Como já fui em Londres e fiquei em hostels, dessa vez como é mais tempo queria ficar em "student house" pra dividir uma casa com outras pessoas.. acho que talvez seja melhor do que ficar em residencia. O problema é achar uma que tenha estadia mínima de 8 semanas.
Obrigada pelas respostas! Tá ajudando bastante

Luiza disse...

Raissa,
eh normal que oferecam auxilio na busca por acomodacao, mas voce tem de pagar uma taxa e o preco deles por isto, o que nao eh tao caro. A Avalon e Malvern tem esta "student house"... acho que voce se refere a uma acomodacao/predio soh de estudantes, estas escolas tem e custa umas 200 libras/semana.

Voce encontra o que voce quer, soh que quarto em casa, para curta estadia eh mais dificil, e soh acha mais em cima da hora.

abs
lu

Anônimo disse...

Olá Luiza, eu me chamo Anderson e tenho duas perguntas, 1 º por exemplo: estou indo estudar um mês na Inglaterra, cheguei lá e gostei decido ficar mais um pouco, tem como eu estender meu visto, se caso eu me matricular em um outro curso??

2º o tempo de visto que recebo logo na imigração é a quantidade de dias que minha passagem de volta consta? ou tipo eles dão mais de um mês, vendo que meu curso tem a duração de um mês?

Luiza disse...

Anderson,
você não pode estender o Student Visitor Visa, mas você pode sair da Inglaterra, e entrar de novo com a carta do novo curso, do novo contrato, e ai "re-entrar" adquirindo um novo visto. Você pode ir a Paris e voltar, ou Zurique (já que está fora da união européia o que garanti um novo carimbo na volta a UE), por exemplo, assim você adquiri um novo carimbo na imigração.
Se seu curso é de um mês, eles geralmente dão 3 meses de Student Visitor, ai você pode estudar durante estes 3 meses, se contretou só um pode estender a escola sem precisar sair do país. Pode ser que o oficial da imigração te dê um mês, o equivalente a duração do curso, mas não normal, o comum é dar ao menos 3 meses. com sorte você pode ter até 6 meses de Student Visitor, tudo depende do oficial.
Quando eu entrei, ficaria o tempo do curso mais 2 semanas de férias permitidas, e avisei ao oficial isto, que ficaria ao menos 3 meses e talvez adiasse a volta, então ele me deu 6 meses de visto de "turista estudante". Sendo assim eu poderia expandir meu curso para até 6 meses sem medo.

abs,
lu

Anônimo disse...

Oi Luisa to indo pra Londres na quinta, devido a cobrança full dos hostels no caso de no show ou cancelamento tardio e tb pelo fato de não saber se é legal e tb da indisponibilidade de datas para o msm tipo de quarto, tive que fazer varias reservas, vou ficar 3 semanas lá e fiz as reservas pro período todo, será que posso ter algum tipo de problema com a imigração por conta dessas reservas. Obrigada... bj ... o teu blog é amazing. rsrs

Luiza disse...

Olá,
que bom que gostou do blog!
Eu sempre realizo a reserva pelo Hi Hostels, e cancelo assim que chego, pois geralmente me hospedo com amigos e não quero ter problemas na imigração. Pago apenas os 5% do valor total da reserva podendo cancelar até o dia da chegada por esta rede.
Ter várias reservas não é problema, já tive de fazer 4 reservas diferentes para Paris, pelo mesmo motivo que o seu, tava tudo lotado, e não houve problema algum.
O importante é ter prova de um teto para ficar durante toda a sua estadia, seja a casa de amigo (maior burocracia, por isso é sempre bom reservar algo só para passar na imigração) ou um hotel 5 estrelas.

abs
lu

Anônimo disse...

Luiza,
Tudo bem?
Preciso de sua ajuda!
Você conhece uma escola chamada Bloomsbury? Estou fechando com uma agencia e eles me indicaram essa escola. Não é tão barata, mas não tenho a minima de ideia como é a estrutura dela.
Ela fica na Zona 1 de Londres, e pelo que a agencia me disse, as acomodações ficam entre a Zona 2 e 3 (casa de familia). Tem alguma dica que você considera importante me dar? Vou em setembro.

Luiza disse...

Oi Xará!! Tudo bão?!
To indo pra Londres agora em Agosto, ficarei um ano lá. Vou trabalhar de au pair e estudarei no LSC.
Minha dúvida é em relação a ter que apresentar cartão de crédito na imigração do aeroporto de Londres.
Quero apresentar mil libras em dinheiro lá. Não tenho cartão de crédito e não me interesso em fazer um. Vou receber 100 libras por semana lá, in cash, então não vejo necessidade de cartão de crédito.
--Você acha que a imigração pode achar estranho eu não ter cartão de crédito? Pois, pra eles, eu estou chegando lá desempregada, então eles devem esperar que eu vá me manter com o dinheiro que tenho na minha conta poupança.
Não é o caso, pois o dinheiro que peguei emprestado pra pegar o extrato bancário com o valor que eles estipulam, já foi devolvido.

--É possível eu sacar dinheiro da minha conta poupança lá? Sou totalmente leiga.
--Existe Bradesco lá? --É possível eu passar meu Visa Electron (Cartão de débito) lá?
Se sim, eu mostraria o meu cartão de débito lá na imigração e estaria tudo certo.
Então a pergunta é: É imprescindível que eu tenha um cartão de crédito ou VTM pra apresentar pra imigração de lá?

Não sei se ficou confuso...Espero que dê pra entender e que você possa ajudar mais uma cabecinha angustiada. =D

E obrigada desde já! Bjos***

Pedro disse...

Parabéns pelo blog Luiza!

Luiza disse...

- Respondi à pergunta e eu mesma apaguei! Então respondendo novamente ao "anônimo":
Nõa conheço esta escola nem por amigos. Preocupe-se em buscar uma na zona 1, barata, e creditada pelo British Council. Depois releve os outros critérios, pois no final todas são bem parecidas.
Sobre as zonas das casas de família eu recomendo que fique na parte oeste de cidade, evitando os bairros como Tooting (SW bound). Qualquer bairro da zona leste é ruim a exceção de uns poucos. As zonas 2 e 3 são residencias, de classe média, então você estará bem.
Boa viagem!
--------------------------------------------------------------------------
Luiza, =)
você precisará de um cartão de credito lá, abrir uma conta em Londres mesmo será inevitável. Devido a pagamentos, ou para alguns serviços necessários durante o ano. Também não deixe de fazer o VTM, através dele você pode receber dinheiro aqui do Brasil a baixas taxas, contudo não o use à toa, use mais para caso precise de dinheiro.
Você está chegando lá empregada, deixe isto claro.Seu emprego agora é o de babá, e você já foi devidamente contratada, como dito na carta a ser mostrada na imigração. É esta a imagem a passar.
É bom ter um cartão de crédito sim para mostrar que você não precisará de ajuda social do governo no futuro, tudo o que eles não querem. Até europeus tem de provar isto, mostrando ter recursos ou alguma forma de se sustentar.

Não entendo o funcionamento de conta poupança, mas creio que seja só em conta corrente. O banco Bradesco oferece uma conta corrente associada a uma conta poupança, ou seja, você tem dinheiro na poupança que é imediatamente lançado em conta corrente para caso de saque ou pagamentos de extratos. Desta forma seu dinheiro rende, e você sempre o tem disponível para usar. Um cartão internacional do Bradesco tem baixa anuidade, que pdoe ser até nula após negociações, e demora menos de 30 dias para chegar. É uma boa pedida.

Sobre o uso de cartão no exterior, se informe em detalhes com sua gerente no banco, ela vai te dizer cada taxa a ser paga, como é e tudo mais... Eu sei que o para saques você precisa que aceitam o "Plus", o mesmo para o cartão VTM da Visa. Já para compra à credito em lojas, você não terá problemas. Já em restaurantes e pubs, muitas vezes só aceitam dinheiro.

Resumo: tenha o VTM e cartão de crédito. Só paresente a imigração se for solicitado, o que não ocorre normalmente.
----------------------------
Pedro,
Obrigada!

abs galera,
Luiza.

Anônimo disse...

Boa Noite Luiza,

Parabens pelo blog.. adorei!
Estou quase fechando com uma agência para um curso de General English na Princess College. Você conhece??
Outra perguntinha.. meu inglês eh básico pretendo ficar 1 mês focada nos estudos.. depois trabalhar... Quais são os trabalhos mais comuns para imigrante lá (feminino)?
Obrigada desde já. Bjos

Luiza disse...

Olá,
obrigada, que bom que gostou.

Não conheço esta escola, só ouvi falar. Procure comunidades no Facebook e Orkut com tópicos referentes a ela.

Você não consegue trabalhar lá tão fácil assim. É necessário consiguir um visto de estudante com permissão de ao menos 10h/semana para trabalhar. Tal visto é adquirido por estudantes que tem curso e tempo de estadia superiores a 6 meses. Um mês de curso não te permitiria trabalhar, e você não encontraria emprego meso que ilegal (o que já é difícil).

Indo estudar 6 meses, e com visto de trabalho, é normal que mulheres trabalhem em restaurantes, pubs, e eventos. São trabalhos de limpar chão, servir café, carregar copos, nada muito nobre. Tem outras alternativas não muito agradáveis (leia mais pra cima tem esta pergunta).

abs,
lu

Carlos Henrique disse...

Olá Luiza!
Vi um coment seu numa comu do orkut e gostaria que me ajudasse numa questão:
Estou indo, como turista, em setembro, pra Londres. Fico até o final de novembro por lá, na casa de um casal de amigos que residem lá.
Minha dúvida é: Se me interessar em fazer algum curso e também esticar minha estada por lá, é possível fazer isso diretamente com as escolas que oferecem tais cursos, ou só mesmo fechando com agências aqui no Brasil?
Esse casal me enviará uma carta-visita, confirmando minha hospedagem na casa deles, onde não preciso arcar com despesas de hospedagem durante minha viagem. Mesmo assim, devo fazer reservas em Hostels ou Hotéis, para assim, facilitar minha passagem pela imigração?
Agradeço desde já!

Anônimo disse...

Luiza, você é um anjo! rsrs
Olha só vou te passar o orcamento que eles fizeram, (fora passagem, pois passagem ja cotei aqui fica +- 1900 reais).
The English Studio

Orcamento residencial:

Liberty Fiedl Residence http://www.the-englishstudio.com/accommodation/student-house-shares.php

04 semanas de curso - 255 libras
04 semanas de acomodação - 630 libras
tx matricula: 75 taxa administrativa: 60
Total: 1055 (cambio libra 2,88 = 3038,40 reais)

Orcamento casa de famila (com café da manha) - Zona 3
04 semanas de acomodação: 525 libras
O restantes dos valores iguais...
total: 950 libras (cambio libra 2,88 = 2736,00 reais)


Sugestao de despesas mensais = 500 libras!

O que vocÊ acha Luiza?
Estou pensando em olhar outras empresas, porque se ficar longe demais nao sei se compensa...entende?

beijos
preciso de uma luz, várias! rs
obrigada...

Izabelle

Luiza disse...

Oi Carlos Henrique,
primeiro, lembre-se de ter documentos que provem que seus amigos tem as contas em dia, como a copia do passaporte delas, permissão de residência, e tal.

Para fazer um curso de no máximo 6 meses, caso de turista estudante, você precia adquirir tal visto na imigração, na chegada. Para isto você deve fechar o curso já e todos os outros requisitos, recebendo uma carta oficial e devidamente assinada do curso onde esta inscrito. Não é possível ir de turista e estudar, as escolas só podem te autorizar com este visto. Apesar disto algumas te aceitam ilegalmente, e se pego, ambos podem ser penalizados.
Você não precisa de uma agência, basta entrar em contato diretamente com a escola em Londres para fazer a inscrição, o que é necessário é que eles te enviem a carta provando sua inscrição, nível de ingles, período do curso e tal, todos os dados que intereção a imigração.
A restrição de Student Visitor é de que você prove ter fundos para se manter e uma escola responsável por você, tendo isto é só buscar os demais documentos (passagens, estadia, seguro viagem, etc.). Quanto a passagens, é mais fácil pegar um visto longo com ela comprada, mesmo que seja pra voltar em 7 dias, do que ir sem ela, o que levanta suspeitas sobre suas intenções.

Se você for de turista apenas, faça uma reserva em hostel como HiHostels, que poodem ser cancelada e reembolsadas em 95% do valor. Assim evita perguntas demais na imigração e suspeitas. Se for de estudante, é super normal ter carta de amigos, então vá sem medo.
______________________________________________

Izabelle,
seu programa tá perfeito!
Mesmo adotando pela estadia mais cara em casa de estudante (eu julgo absurdamente cara, você pode se hospedar por 100 libras/semana se procurar bem, mas o conforto da Residência/Prédio Estudantil é maior e "compensa" o preço). Reparei, ultimamente, que os alugueis em Londres voltam a subir, e pelo visto estão passando de 100 libras/semana.

Pesquise sempre, mas sempre desconfie daquelas que vendem o paraíso. Não se limite a uma única escola, compare todas para ter certeza de sua escolha.
Não entendi: "poruqe se ficar longe demias nao sei se compensa".
Bem, vejo a possibilidade de enxugar a acomodação, que pode sair por 100 libras/semana. Como você vai ficar apenas 4 semanas, o custo é alto pois a estadia sai mais cara (curto prazo), e a passagem pra ficar 1 ano ou 1 mês custa o mesmo... por isso quanto mais tempo, a relação custo/benefício é melhor.

abs,
lu

Anônimo disse...

A que bom Luiza, sobre o que você nao entendeu é que, seguinte, o programa que eu vou,ja esta incluso, mas é zona três, então nao sei se vai ficar muitooo caro para ir para a zona 1, e quanto +- eu vou gastar entende? Então não sei se vale a pena, pois me mostraram um programa tb, que custa o dobro, mas as escolas ficam próximas as casas!!! Olhei em um site um tipo passaporte por mes que custo se eu nao me engano para +18 81,2 libras!! Isso preciso multiplicar por dois? (ida e volta) para ver quanto eu vou gastar...fica muito caro! rs Era essa minha dúvida! O site que eu tenho é o http://www.tfl.gov.uk/tickets/14416.aspx
Você pode me explicar sobre os valores? Tenho 22 anos!!!

beijao Luiza..
obrigada sempre!
Izabelle

Luiza disse...

Izabelle,

neste site qque você tem dá pra consultar os preços dos passes.
Leia o post London (marcado: Londres), lá tem uma breve explicação disto.
Para se locomover nas zonas, o WeekPass ("passaporte", ou passe, ou travel card, ou como preferir chamar), que pode ser usado ilimitadamente (para metro, trêm, ônibus, e DLR), te permite passar o Oyster Card por toda zona permitida sem pagar nada a mais por isto. O WeekPass pode compreender dede a zona 1 até os limites de Londres (além da zona 9). Os preços do WEEKPASS com Oyster card, são APROXIMADAMENTE os seguintes:
Zona 1 - £18 /semana
Zona 2 - £25 /semana
Zona 3 - £30 /semana
Zona 4 - £36 /semana
(demais zonas: pesquise)
Se você se hospedar na Zona 3, por exemplo, gastará cerca de £30/semana, em um total de £120 por mês. Isto significa que com £120 libras/mês você tem acesso a todos os meios de transporte nas zonas 1-2-3, sem nenhum custo adicional, podendo usar transporte público ilimitadamente (30 mil vezes no dia se quiser!).
Já se for na zona 2 sua escola, seu passe compreenderá as zonas 1-2, e custará £25/semana, ou seja, £100/mês. Veja que sua economia mensal será de apenas £20 libras/mês, logo não compensa você pagar mais no aluguel.

Se você estivesse indo ficar um bom tempo com alguém pra dividir as despesas, recomendaria que procurasse alugar um flat na zona 1 mesmo, custaria £1500/mês contando contas e tudo mais (contrato de aluguel >6meses), dividindo por umas 3 pessoas ou mais, seria viável. Teve uma pessoa, acima, que perguntou sobre esta boa alternativa para ir em grupo.

abs
lu

Anônimo disse...

Luiza

Oi! Primeiro, gostaria de parabenizá-la pelo blog. Tem me ajudado muito!

Preciso de sua ajuda: Em setembro pretendo ir pra Londres, estudar inglês por 3 meses na Edgware Academy of London, com acomodação por 1 mês (em alojamento). Tudo por R$ 3 mil. Já a passagem aérea ficou por R$ 2 mil.O que você acha?

Depois, gostaria de mochilar por 1 mês pela Europa. Quanto vc acha que preciso levar?

bjão e valeu pela ajuda

Guilhemre

Luiza disse...

Guilherme,
obrigada!
Bem, seu orcamento eh este mesmo...no mais barato, indo por conta propria voce consegue isto com R$2000 (sem taxas de empresas e tendo sorte com acomodacao de curto prazo). As passagens vao de R$1500 ateh R$3000 dependendo do periodo da viagem.
Pra pisar em Londres voce precisa levar umas 600 libras. Voce gastarah umas 150 libras por semana, entao dah certinho 600 mesmo. Sao 120 em transporte, 100 em comida, 100 em telefonia, 120 em noitadas, se comer fora sao mais 20 libras... por ai vai. E ainda tem a grana das lembrancinhas para avo, tio e papagaio. Leve o maximo para evitar saques, mas nao mais do que o necessario para nao perder dinheiro. Tenha um cartao VTM e um internacional com voce.

abs
lu

Evelyn disse...

Olá, Luisa! Qual empresa aerea vc recomenda para ir a Londres. Qual, na sua opinião, oferece melhor custo-benefício?
Obrigada

Luiza disse...

Evelyn,
eu não queria dizer isto, mas, é a TAM.
Apesar de toda minha aversão a ela, e de tudo que ela aprontou comigo... Ainda sim tem o melhor preço, melhor avião (Boing 777), e melhor serviço para brasileiros.
Se você é do Rio ou SP eles tem vôos diretos de ambas as cidades agora, antes só tinha de SP.
Uma alternativa é a TAP... eu já voei com eles 3 vezes no passado, e ante-ontem eles conseguiram me convencer de que são péssimos: atrasaram o vôo em 1,5h; me fizeram perder minha conexão e me culparam por isto, me realocaram pra um vôo 5h mais tarde, tive de brigar pra me darem direito a ligação e alimentação, e no final... ainda extravieram minha mala, a recebi pela Lufthansa. Minha sorte foi que meu destino final era Alemanha, chegando lá eles são 10! Foram simpáticos, reportaram a TAP, me pagaram 50 euros com indenização, e fizeram de tudo pra que minha mala chegasse no primeiro vôo possível.

abs,
lu

evelyn disse...

Lú, obrigada pela resposta.
Dando uma pesquisada, vi que a TAM realmente estava mais em conta. Fiz uma pesquisa pela TAP e deu muito caro. Mas eu queria saber se o avião o serviço eram bons e você já disse que sim. Obrigada mais uma vez!
A próposito sou do Rio e ainda bem que eles agora oferecem voos diretos.

evelyn disse...

Ah Lú esqueci de perguntar:o que a TAM aprontou contigo?
Fui e vim da África do Sul com muito receio do aeroporto de Joanesburgo, pois muitos diziam que os funcionários costumavam abrir as malas para roubar nossos pertences. Na ida, lacrei a mala, passei sem problemas. Na volta, como no aeroporto de Cape Town não tinha esse serviço, ela foi só com os cadeados mesmo sem problemas. Chegaram a Guarulhos intactas!!! De lá para o Rio para a minha surpresa minhas duas malas vieram abertas. Aqueles ladrões FDP funcionários da TAM simplesmente destruiram todos os meu cadeados, estavam todos arranhados, tava na cara que foi de sacanagem para roubar mesmo e o rapaz do aeroporto ainda quiz colocar panos quentes. A única coisa que fez foi preencher uma ficha, pesar a mala e me dá para que pudessem consertar a minha mala depois. Não procuram saber onde a mala foi deixada, que funcionários estavam tarbalhando na hora etc.Só não roubaram nada pq naqueles bolsos da frente não tinha nada de mais, só pente, desodorante, creme, e na parte de dentro só tinha roupas mesmo envolvidas e amarradas em um lençol. Mas como estava muito cheia e pesada (exagerei, coisas de iniciante rs)acho que chamou atenção, sei lá.

cdgt disse...

Luiza,
Td bem?
Sabe me dizer se eu comprar 1 celular pré-pago (pay as you go) ele vem desbloqueado? Caso não, eu consigo desbloquear no Br e utiliza-lo normalmente?
Abraços,
Cintia

Bruno Rodriges disse...

Olá, tudo bem?
Meu nome é Bruno e estou querendo ir no inicio do ano que vem fazer um intercambio de um ano. Mas tenho algumas duvidas.

Meu inglês ainda é muito "fraco", mas entendo que talvez em seis meses sera possivel esta comunicando razoalvemente bem, queria saber se é possivel fazer os 6 primeiro meses um curso de inglês e depois de lá mesmo valida o meu diploma aqui do brasil(Eng de produção) para tentar uma pós ou até mesmo algum curso na area?

e outra pergunta estou encontrando preços muito bons para a irlanda. Qual vc indicaria como melhor opção irlanda ou inglaterra?

Obrigado!
E vc esta de parabéns pelo blog muito bom mesmo!

Luiza disse...

Evelyn,

o mesmo que aconcete com suas malas acontecem com as minhas. Última vez foram despachadas como primeira classe, ou seja, com tratamento "selecionado e especial"... faça me rir... quebraram e arremessaram do mesmo jeito. Quebram lembranças dentro delas e a propria mala. Sem falar quando arrebentam o cadiado.
Além disto a TAM tem aeromoças que não falam inglês em um voô Londres-Rio, dá pra acreditar?! Os passageiros ficam de tradutores, sem falar que elas os atendentes da TAM são os mais rudes possíveis, ainda mais perante críticas, acham que são os melhores... com um péssimo serviço. Já foi a 'epoca da TAM, hoje virou a casa da mão Joana. Contudo eles ainda ganham na competitividade, não na qualidade do atendimento, mas nos aviões e preços.
Quanto ao fidelidade: passei 90 dias brigando com a TAM pra convencê-los de que eu avião voado o trecho, logo deveria ter o os pontos. Depois de me irritar disse que queria remarcar o trecho que eu "não voei" já que eles insistiu em reconhecer que os pontos deviam ser creditados, rapidamente me deram os pontos. E eu nunca consigo o cartão vermelho, apesar de ter muitas milhas, já que só voava com parceiras deles e eles proprios, hoje desisti deste cartão estou com o fidelidade da TAP, Lufthansa, e QatarAirways (todos com milhas válidas entre 3 e 5 anos).

Cintia,
voce compra desbloqueado em lojas que não sejam as das companias telefônicas. Uma "Casa e Video" por exemplo, tem lojas de celulares e eletrônicos que já vendem desbloqueados, pergunte sempre na hora da comprar, e não confie em Índianos, eles estão locos pra ganhar dinheiro em cima do seu desconhecimento. Celulares de lá desbloqueados funcionam no Brasil, já Modens portáteis (internet móvel de laptop) talvez não, depende do modelo.

Bruno,
você não pode sair de um visto de turista (turista estudante ou simples) e ir pra um visto de "residência temporaria" (digamos assim). Você precisa sair do Brasil já com um visto que atenda as suas necessicades. Ou voltar após 6 meses para tentar novo visto para sua pós. Tendo um visto de estudante talvez você consiga estender lá, mas não sei ao certo, nem sei se seria mesma categoria para um estudante de línguas e um de pós. Tem comunidades no orkut (Eu vou pra Londres) que certamente terá gente no mesmo barco que o seu, e podem te esclarecer melhor. Procure também pelo site da imigração do UK, ou se informe por e-mail com a embaixada Brasileira no UK, eles respondem até melhor as vezes.

Eu indico Inglaterra, pois Irlanda consegue ter mais brazucas do que Inglaterra. Além da facilidade de conhecer o mundo de lá, mesmo sem pegar nenhum avião, pois tem gente de todo lugar. É um lugar mais interessante pra se viver, mas como a grana fala mais alto... fica com você a decisão.

Sobre o nível de inglês: pode ser um problema pra imigração, mas não será na sua sobrevivência, você aprende na força memos por lá se tiver focado pra isto, e não indo só a passeio.

Abs,
lu

Bruno Rodrigues disse...

Meu obrigado pelas informações!!!

Estou quase certo de ir para a Irlanda pelo o que ando lendo é bem mais simples de entrar no pais!

Mas queria saber, o custo de vida de londres é maior do que de Dublin? Pq sempre vejo que Dublin o custo de vida é menor mas algumas pessoas dizem que nem é tanto assim.

E outra coisa, vc sabe me dizer se é complicado depois de estudar os 6 meses em Dublin ir para o interio da Irlanda? Pois eu acho que no interior do pais devem ter menos brasileiros onde eu possa praticar melhor o meu inglês, mas o medo seria se da para arrumar emprego no interior.

Muito obrigado!!!

Andréa Arantes disse...

Oi Luiza,

Tudo bom? Fui procurando todo tipo de informação ate cair no seu blog.
Que bom que existem pessoas dispostas a ajudar a nós meros mortais que nao tem o menor jogo de cintura para esse tipo de aventura..hahahaha!
Bom, vamos a minha situaçao!
Meu pai me presentiou com esse previlégio de fazer um intercambio cultural, as duvidas sao as seguintes:
-Sou formada tem um ano e meio, trabalho na Secretaria do estado de MG como bolsista. Meu contrato encerra no fim do ano.
Tenho medo de ter algum tipo de dificuldade para conseguir visto, diante desse tipo de situação.
Meu interesse é ficar de 4 a 6 meses na Inglaterra cursando um curso de línguas e trabalhando em algo para ao menos me dar uma ajuda no transporte e alimentação.
Eu li que voce fez Au pair, estou certa?
Acho que isso nao encaixaria no meu perfil. Gostaria de morar em albergues ou alugar um quarto..sei la..estou aberta a sugestoes de Moradia, curso de Ingles, trabalho..e claro, das minhas chances de conseguir embarcar.
Além de tudo, tenho aquele ingles intermediario de cursinho..O que nao ajuda muito conseguir algo legal!
É isso..espero que possa me ajudar! Igual a voce, acho um absurdo os valores cobrados pelos pacotes de intercâmbios.
Obrigada!!

andrea.arantes@tecnologia.mg.gov.br

Andréa

cdgt disse...

Luiza,
Boa Noite!!!
Mais uma dica: terei 3 finais de semana livres em Londres. Um deles irei para Paris. E estou na dúvida em quais outros lugares ir. O que vc indica: Alemanha, Praga, Amsterdã ou outros?
Mais uma vez obrigada

Cintia

Claris. disse...

Oi, Luiza. Planejo ir passar um mês em Londres ano que vem. Tenho 15 anos, então acho melhor ir pra uma casa de família. Então, fiz um orçamento e deu 588 libras de acomodação. Quarto individual, meia pensão, na zona 3. É um bom preço? E a zona 3 é um bom lugar pra ficar?
E preciso te agradecer! Se não tivesse visto seu blog, teria fechado com o Eurocentres. 920 libras, 4 semanas. Agora, vou pro English Studio, que é muito mais barato e super bem localizado. :)

Luiza disse...

Bruno,
eu não podeira compara pois não sei como é a vida em Dublin. Só sei que Londres é bem mais barata do que imaginava. Comida é relativamente barata, é barato comer fora por exemplo e ir ao mercado fazer comprar simples de estudante: macarrão e cerveja! Os alugueis estão baratos neste momento, apesar de ter aumentando um pouco desde que voltei. Quando buscava encontra muita coisa por menos de 100 libras/semana, hoje não vejo muita coisa boa por menos de 120 libras/semana. Contudo ainda é bem mais barato que antigamente quando facilmente passava de 200 libras/semana o aluguel do quarto.
Muitos dizem que o transporte londrino é caro... eu gasto mais aqui (Rio) por mês só pra ir e voltar da faculdade, do que gastava em londres para andar ilimitadamente.

Sobre ir pro interior: Você precisa estudar e trabalhar ao mesmo tempo para manter seu visto, então você passará o périodo em uma só localidade/escola. Acho que o interior é uma boa opção sim, e talvez até seja melhor arrumar empregos simples em cidades perto de Dublin, não tão isoladas.


Andréa,
obrigada, que bom que gostou do blog.
Bem, o vínculo com o Brasil como emprego ou faculdade é usado pra quem fica pouco tempo fora. No caso de 6 meses, você está indo com o ideal de trabalhar lá por um bom tempo (1/2 ano não é pouca coisa), você pode então pode provar que voltará pra sua família, propriedade, e outros vínculos.
Se você quer trabalhar, é necessário que você tire visto para estudante, com período mínimo de estadia para 6 meses. Caso você vá pra 4 meses, não terá o visto que permite o trabalho no UK, e este tipo de visto é adquirido na entrada no UK, já o de período superior a 6 meses com direito a trabalhar é adquirido aqui pelo Brasil no consulado britânico.

Eu não fiz Au Pair, mas apresento esta possibilidade como uma ótima oportunidade para que jovens mulheres realizem intercâmbio por baixíssimo custo e com remuneração, mesmo que pequena.

Se você for ficar pouco tempo o custo de albergue e quarto dá quase o mesmo, a diferença é o conforto e segurança. Albergue é um entra e sai e muita gente pra dividir banheiro e tudo o mais. Uma casa te dá maior comodidade e amigos de todo mundo que vai te acompanhar por alguns meses, além da segurança para os seus pertences e pouca gente ou ninguém no seu quarto.
Se for muito tempo, ai é aluguel de aurto individual sem dúvida, vale muito apena, e contrato para este período barateia muito e facilita sua procura por acomodação (a maioria quer este tipo de locatário para mais de 6 meses).

Procure o curso mais barato pelo centro de Londres... são todos parecidos e você parende mais no dia a dia do que na sala de aula, então não busque o melhor e mais caro curso, contudo é essencial que o curso seja reconhecido para poder te fornecer a documentação necessária, e para segurança do seu investimento.

O inglês de cursinho é tudo o q vc precisa. Chegando lá em um mês de dedicação vc estará fluente. Contudo é preciso se sair bem no teste da escola, para garantir o seu visto antes de sair do Brasil.

abs,
lu

Luiza disse...

Cintia,
um vai pra Windsor e cidadezinhas em volta, o interior da Inglaterra.
No outro vai pra ... bem... são todas boas opções.

Alemanha: Munique ou Berlim ou Colonia são uma boa pedida, e se tiver indo agora em setembro você pegará a imperdível Oktoberfest! Em Colonia/Koln você verá a linda catedral e comerá muito chocolate no Museu do chocolate. Já em Berlim, você também vai se divertir com a historia e os habitantes que são bem mais bagunceiros do que no resto da Alemanha, mas mantendo a pose. Os hotéis nestas cidades são baratos pelo Booking.com.

Praga: é encantadora, e tem muita história, comida é barata e boa, tudo é bem concentrado então é fácil encontrar todos os pontos turísticos. Também os hotéis são baratos.

Amsterdã: é também muito bonita, cheia de canais, contudo é cara seja pra comer, se locomover ou dormir. É um lugar pra conhecer, mas não acho tão impressionante quanto as anteriores o foram, talvez pelo meu gosto.


Claris,
não é o melhor preço pra esta zona, mas é aceitável. É uma boa zona, desde que você fique na área oeste da cidade, evite a zona leste, principalmente leste-sul. Não é um bom lugar pra andar de noite, mas Londres não é perigosa.

E obrigada pelo apoio!

abs,
lu

cdgt disse...

Luiza,

Mais uma vez, muitissimo obrigada pelas preciosas dicas...

Bom domingo!

Bj,

Cintia

Beatriz disse...

Luiza!
nossa, seu blog é realmente fantástico! show de bola :D
bom, pretendo fazer intercâmbio pra londres ano que vem no inicio do 2 semestre. Ficar por lá 6 meses.
Conclui o inglês, me considero no nível intermédiário. Não acho que terei grandes dificuldades, mantenho contato com pessoas de outros países frequentemente.
A minha idéia inicial seria de fazer um curso junto ao trabalho. Não tenho problemas quanto pegar no pesado rsrsrsrs
Já dei uma olhada em todos os comentários da página, adorei seus comentários e dicas, excelentes!
Bom, fui dar uma olhada pela agência STB, achei um absurdo! Algo entorno dos 14mil... Ir por conta própria parece muito mais agradável...($$$) ahoeuaeoh
Bom, faço 18 por agora, pretendo trancar a faculdade... como ao final do tempo do curso/trabalho seriam minhas férias da facul, gostaria de saber se após, poderia ficar cerca de mais 1 mês afim de ficar mochilando pelos cantinhos da europa.. teria como? mesmo com um visto pra curso de 6 meses?
outrs coisa, a compra de eletrônicos (leia-se notebook, câmera...)é mais em conta?quanto mais ou menos?
por seis meses, qual melhor tipo de hospedagem?
pelo que me parece a the british studio é a mais legalsinha de todas :] e a localização?
e em relação ao emprégo, tenho que ir com um garantido daqui ou tenho de procurar quando chegar? (n me agrada o au pair. algo como barzinhos, restaurantes, pubs... mais legais ;])
muito obrigada pela atenção que dá a todos nós... sinto total confiança na sua vasta experiência! (:
beijão!

Beatriz disse...

ah! mais uma coisinha :)
Willesden Green, inside London zone 2 é uma boa localidade?
o/

Luiza disse...

Beatriz,
obrigada!
Primeiro, fique preparada para ganhar menos do que gasta, ou seja, a ficar no prejuízo.
Você pode acabar a faculdade e ir fazer uma pós-graduação, assim você não atrasa a faculdade e ainda aprende inglês, trabalha e se especializa. Contudo, sua idéia não é ruim.
Se você for tirar o visto você pode deixar claro o tempo que você pretende ficar por lá, assim eles te darão tempo suficiente. E o próprio curso de linguas te dá alguns dias de férias. Para 6 meses, acho que você pode se ausentar por 1 mês além dos 15% de faltas permitidas, ou seja, você ainda conseguiria fazer seu mochilão com o visto de apenas 6 meses.
Caso você não consiga extender o visto, e acho que você pode fazer isto lá, e nem tirar as férias, você pode sair pela Suíça e ingressar novamente na União Européia, ganhando um novo carimbo de turista desta vez.

Eletrônicos: os telefones celulares são muito baratos, adquira um pelo plano, saindo gratuito no contrato. Você vai usar por 6 meses mesmo, e ainda saem mais barata as ligações. Por 50 libras você compra um celular que vale R$500 aqui, isto no plano pré-pago (Pay as you go).
Os notebooks estao por volta de 500 libras, um MAC por umas 1000 libras.
Câmera fotográfica tá umas 100 libras pra cima uma boa da Sony superior a 10 megapixels e lentes Carls Zeiss, e ainda tem as vendas com kit completo que saem super baratas.

Hospedagem: seria bom ficar em uma casa de estudantes, ou seja, alugue um quarto em uma casa de estudantes com contrato de 6 meses, negocie o preço e as condições como depósito e tal, pagar por semana é sempre melhor também para controlar melhor a sua grana.
Se você não conseguir algo daqui, vá com reserva de duas-quatro semanas em casa de família, para você ter tempo de se adaptar e procurar um apê. E mesmo saindo daqui com lugar pra ficar, faça reserva em um hostel (Hihostels.com reserve 1 semana) e cancele na sua chegada, pro caso de você descobrir que entrou em uma furada em uma casa suja ou sei lá.

Escola: não se o nome é este mesmo ou se você confundiu com o The ENGLISH Studio. Está sim é barata e boa, já a que escreveu eu nunca ouvi falar, caso não tenha se confundido. A The English Studio fica em Holborn, bem no coração da cidade (Zona 1), muito bem localizada em uma das estações mais movimentadas e de boas conexões.

Emprego: você pode ir com emprego garantido ou não, o provavél é chegar lá e ter de batalhar por um por algumas semanas. Já vai buscando daqui, contudo é raro conseguir, lá é mais fácil, mesmo assim você perde um mês procurando no máximo. Aliás, meu amigo em Londres tá procurando gente pra trabalhar com ele temporariamente em eventos, ele tem dois bares e é DJ, foi ele quem me hospedou. Se quiser volta aqui com seu e-mail que eu te emcaminho.

Willesden Green: a localidade eu não conheço e o google não me ajudou a ver o local exato, mas se você tá na zona 2, na região oeste-norte, você tá super bem.

abs,
lu.

Beatriz disse...

valeu luiza! troquei o nome mesmo! haohuoaheuohe
e pq meu irmão faz um curso "british house" daí me deu a louca.
suas dicas me ajudaram bastante!
hum,mto interessante sobre o seu amigo. mas só vou no 2º semestre de 2011, acho pouco provável que até lá ele ainda esteja precisando de alguém!
mas toda via, estou aqui! (:
qualquer coisa, beatrizfariasmelo@hotmail.com
abraço!

Erica disse...

Oi Luiza,

Nossa.. adorei seu blog...tenho algumas duvidas também.. se puder me ajudar..
estou indo para Londres em outubro para ficar 6 meses, vou ficar na casa de amigas que me convidaram...
O que acha que irei precisar comprovar na imigração?
Mesmo eu tendo lugar preciso levar £200 por semana?
Se eu levar uma carta falando que minha familia vai me bancar lá, preciso levar muito dinheiro?
eu tenho que levar dinheiro vivo.. ou posso levar somente cartão de crédito internacional?

Brigada desde já!

Anônimo disse...

Oi Luiza,

Porque diz que é burocracia ir pra casa de amigo?

Luiza disse...

Erica,

que bom que o blog tá te ajudando.
Bem, sobre ficar na casa de amigos, lembre que precisa de carta convite e de sponsor, quem te recebe pode também assumir esta responsabilidade, e é o mais comum. Leia a resposta ao "anônimo" abaixo, tem mais informações.

Docs para imigração:
- voô de volta
- visto de estudante (já que são 6 meses, se fosse 5 você não precisaria)
- acomodação para pelo menos as 2 primeiras semanas (seja carta convite das suas amigas ou reservas de hostel)
- comprovante de renda (cartões e cash)
- seguro viagem/saúde (acho q não pedem muito por lá, mas é bom ter, os hospitais publicos são bons e gratuitos, contudo não sei se eles atendem estrangeiros. Procure o IAC - ilimitado - ou Mondial Travel, nesta ordem de preferência).
É basicamente isto, e se você já tem visto é capaz do oficial nem perguntar nada, só carimbar a entrada. Para tirar o visto entre no site da embaixada/consulado britânico no Brasil, e já dê entrada, vão ser 2 meses entre buscar documento, mandar pra eles, e pegar o visto.

Grana e Cartão Internacional: não leve muito dinheiro consigo, para se controlar e não ter risco de perder grandes quantias. Leve umas £10/dia em cash, e o resto coloque no VTM aos poucos, e use cartão de crédito internacional (CCI). Sobre CCI, pegue um Visa ou MasterCard, e afilie-se ao sistema de pontos pelo cartão, assim você ganha milhas toda vez que gasta US$1, e pode jogar pra TAM e outras no final do ano.
Independente da sua família, leve ao menos £2000 pra 6 meses. E sempre leve a carta dizendo que vão te bancar, quanto eles tem disponível, e extrato de conta corrente, ou do gerente de conta confirmando.

"Anônimo",

digo isto pois é necessário ter uma carta (modelo para download lá em cima à direita), e em anexo certos documentos. E dependendo do país a pessoa que te recebe precisa ir à polícia, ou outra instituição responsável, registrar que vai te receber, e esclarecer os vínculos e tal. Na Inglaterra não pedem registro, mas você precisa da carta e cópia da ID ou passaporte da pessoa que vai te receber em mãos, e a carta deve ser assinada por ela. Já na Suiça, eles pedem que você registre com orgão responsável caso recebe alguém em sua casa. Só que, por exemplo, eu fui pra Zurich sem reserva de hostel/hotel pra ficar em casa de uma amiga, e sem carta dela também; o oficial da imigração me perguntou onde ia me hospedar, eu disse a verdade (não posso mentir sem provar), e ele me perguntou o vínculo com a pessoa e endereço, então disse que era amiga brasileira que estava morando lá e que ia visitá-la, e mostrei que iria pra Alemanha em 3 dias com reservas de trem. Então foi tranquilo. Já em Portugal, tem de ter carta e tal, e vão te olhar de cara feia, e até te mandar de volta. Portugal e Espanha são os que mais pegam no pé dos brazucas, e com exigências de documentos como estes devidamente registrados, diferente da Inglaterra.

abs,
lu

cdgt disse...

Lu,
Boa noite!
Estou vendo uma acomodação e gostaria da sua opinião. Fica na Itamar Close, lado oposto Surrey Quays. Vc conhece?

cdgt disse...

Oi Luiza,
Pode apagar que eu já anotei. Estou aguardando a pessoa da agencia me passar certinho...ai te escrevo.
Super obrigada.
Bj,
Cintia

Luiza disse...

Cintia,
entao depois manda o link. Contudo, procurando pelo google, parece um bairro ruim por onde eu andei uma vesz perdida. Era por esta area(se eh que vi corretamente), e tinha umas pessoas estranhas.

Galera: oportunidade:
Assunto: Staff needed
We are currently looking for bar staff, promotion & events staff to work day & evening shifts: Excelent rate of pay plus bonuses. please send cv's to remixbar@hotmail.co.uk

abs
lu

coop disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
coop disse...

Luiza,
Te mandei um e mail com os dados da acomodação. Será q vc pode dar 1 olhada e sua opinião. Será q eu consigo arrumar uma nova acomodação nos 45 min do segundo tempo? que Deus nos guarde...
Bj, Cintia

Melina disse...

Oi, Luiza!
Sempre vi seus comentários na comunidade 'eu vou pra londres' no orkut e resolvi vir a seu blog pra conhecer: adorei!
Gostaria muito de sua ajuda pra esclarecer algumas dúvidas!
Tô indo com uma amiga em dezembro pra Londres, vamos estudar na Malvern até o final de janeiro e depois teremos uns 10 dias pra viajar, sem contar a uma semana de recesso do natal e do reveillon...já vamos com a acomodação da escola para as primeiras quatro semanas..
Gostaria de saber se vc acha que devemos comprar as passagens de avião pra ir pra outros países daqui do Brasil logo ou eh melhor comprar quando estivermos já em Londres? Pq queríamos conhecer algumas cidades, como amsterdam por ex, num final de semana, mas temos receio de resolver tudo daqui e arranjarmos programas melhores na época por lá...e tb temos medo de encontrar as passagens muito mais caras...
Além disso, queria saber a parte dos albergues...vc acha que temos que reservar já daqui, ou lá durante dezembro´dá pra conseguir as reservas para janeiro?
Mais uma coisa: vai ter show de shakira e lady gaga em londres em dezembro, vc acha que a gnt deve comprar os ingressos pela internet msm? Se sim, tem algum site que vc saiba? Confiável?
Outra coisa: após as nossas 4 semanas se acomodação na residência estudantil da escola, vc acha que devemos renovar com eles ou é fácil arranjar quarto duplo e bem localizado por lá? Onde a gnt procura? Há muita burocracia?
Nós vamos ficar uns 2 meses e alguns dias e não iremos trabalhar, só estudar...nosso visto é o de visitor mesmo, né? O que é preciso levar para mostrar lá na imigração? Precisamos fazer algum procedimento daqui ou é so levar o passaporte, a carta da escola, seguro saúde e acomodação msm?
Por enquanto é isso...em breve volto com mais dúvidas! hahahaha
OBRIGADA dese já!
Beijos

Luiza disse...

Cintia,

eu não lembro se já te respondi, mas já respondo e esclareço por todos:
Acomodação em Londres é sempre fácil de trocar. Tem sempre muitos lugares vagos. Só é dificil pra quem quer aluguel de curta duração, como 1 ou 2 meses.

Luiza disse...

Melina,

obrigada!

Sobre passagens: como tá muito em cima, compra logo passagem pra Londres porque os voôs lotam.
Sobre passagens pela Europa, é dificil mesmo dizer. O preço das pessagens geralmente se mantem o mesmo até 2 meses antes da data, ou aumentam devido ao número reduzido de assentos.
Pode acontecer de deixando pra última hora só ter voôs muito caros, ou pode ter a sorte de pegar assentos muito baratos, inclusive em classes melhores, pois a compania quer lotar o voô. Nunca se sabe, é imprevisível mesmo.
Pra Amsterdam você pode ir de trem, que é bem melhor pelo preço, e por chegar direto no centro. E você pode comprar tickets que te permitam parar pela França ou Bruxelas por um dia, curtindo mais cidades.

Albergues: eu não escrevi nada no post Amsterdam, pois queria que as pessoas me perguntassem sem medo.
Você pode ir lá e lotar de perguntas, mas já fica a dica: Os hotéis são muito caros, contudo tem o Etap da rede Accor (você pode fazer reserva com código de desconto através daqui do blog). Este hotel é bem limpo, tem banheiro no quarto, todo dia trocam toalhas, mas roupa de cama só a cada 2 dias eu acho. Ele tem um padrão no mundo: 1 cama de casal e 1 de solteiro, capacidade para 3 pessoas.
Em Amsterdam ele localiza-se no aeroporto, à €7 e 15 min de distância do centro. E a diária esté entre €50-60, você pode dividir com amigas, e dá mais barato que um albergue.

Reservas de hotel/hostel: eu sempre faço no último minuto. Isto porque pego grandes descontos de até 70-80% nos melhores hotéis. Em Amsterdam tava tudo muito caro, mas nos outros lugares sempre me dou super bem. Já paguei €50 em hotel que normalmente custa €170, pois reservei na noite anterior. É arriscado, mas eu nunca me dei mal fazendo isto. Pela Alemanha reservei um hotel às 11am do mesmo dia, e paguei €50 em hotel que custa uns €120. Como sempre me dou bem, vou continuar e recomendo a usar o site Booking.com no último minuto mesmo.

Shows: Vou ver com meu amigo qual é o site e volto aqui pra dizer. Eles costumam lotar, então reserve logo! Ainda mais Lady Gaga, último show dela deu o que falar quando eu estava lá, e os ingressos esgotaram em poucos dias.

Acomodação/Moradia: é difícil arrumar algo para apenas 1 mês, o bom seria arrumar algo já daqui, por sites especializados (indicados no post).
Com uma semana antes de deixar a casa você pode prorrogar, muita gente faz isto na boa. Fica, e se na 3* semana não conseguir descolar nada, ai prorroga ou pede re-alocação com a escola/agência. Procure também na própria escola, sempre tem um mural com anúncios, e ela também pode te auxiliar, cobrando um pouquinho mais é claro.
Não há muita burocracia, no máximo você vai ter de assinar um contrato simples, e após pagar o depósito (se exigirem) já pode se mudar.

Documentos para Student Visitor: Passaporte, Carta da Escola, Carte de Acomodação, Seguro Saúde, e... Carta de Sponsor (modelo ai pra baixar), Passagens de Volta para o Brasil, Qualquer planejamento de viagem que você tenha, Cartões de crédito e/ou VTM, mais de £550, e Vínculo com o Brasil (carta da faculdade, crachá do emprego, etc.), e você precisa provar que está liberada naquele período (férias). Este último me foi pedido e eu não tinha, a faculdade não quis me fornecer, e eu fui sincera, então o fiscal não insistiu.

Pergunte à vontade!

abs,
lu

Lari disse...

oi..
Tava vendo o site da TES, li que sao no maximo 27 alunos por classe...

Isso é bastante, nao é? Nao prejudica o aprendizado?
Vc estudou la?

obrigada

Luiza disse...

Lari,
eu estudei nesta escola. Na minha turma de ingles geral tinham 15 alunos. Alias, acho que eles trabalham com menos, dependendo do tipo de curso, pois o maximo que me deram era de 18 alunos, e relamente nao atingiu isto.
Contudo na turma de conversacao era diferente. Nesta turma haviam mais de 20, e a aula corria bem pois o professor contolava bastante. Eu nao podia nem abrir o jornal pra ler que ele chamava minha atencao pra que ninguem se distraisse.

Nao vi nenhuma turma lotada, com mais de 15-20 alunos em nenhum nivel, soh nas aulas de conversacao mesmo, e outras pos-horario normal.

As aulas eram muito boas, peguei professores muito bons, como a Sonja ("Sonia") e outros que eu nao lembro mesmo o nome (sou otima pra esquecer nomes).

Voce pode confirmar com eles e deixar claro que voce nao quer pegar muita gente.

Contudo eles sempre eram na mistura de nacionalidades. Sempre tem uma nacionalidade em peso em uma das salas. Eu ateh brincava que tinha a sala Thailandesa, a Colombiana, a Brasileira e tal. Nao me pergunte porque, mas de certo eh algum problema deles em encaixar quem tah saindo com quem tah entrando em uma sala correta.

abs,
lu

Lari disse...

oi de novo =)
Muito obrigada pela atenção Lu.. mas tneho mais uma duvida.. rs
Vi seu post no topico do orkut, falando que prefere ir sem agencia e tal..
Vi que vc fez um curso e depois passeou pelo europa com o dinheiro que a agencia ocbrou!!
Desculpe a pergunta, mas quanto vc gastou? Quanto estava em media o valor das diarias dos hoteis? Estou planejando ficar em hostel, mas se a diferença for pouca é claro que preferirei hotel neh ;)
Vc teria skype, msn? As duvidas sao tantas.. rs

Obrigada pela atenção,
Larissa

Mel disse...

Obrigadaa!
Quanto a passagem de ida e de volta, já comprei! Minhas dúvidas eram sobre as entre os países de lá mesmo... :)

Fico no aguardo do site dos ingressos, ok?

Outra coisa: preciso dessa carta de férias da faculdade msm não indo com visto de estudante e talz? Duvido que consiga isso também ;P

Ahh, queria saber sobre o transporte...oq eu tenho que fazer? Comprar o oyester card (sei lá o nome) ou q? Sempre vejo as pessoas falando sobre passes por dia, por semana, por mês, mas não consigo entender a logística da coisa...hauhaiuhaiuhaiuahui
E sobre os pontos turísticos, vc acha que lá mesmo dá pra comprar as entradas? No dia? Algum tempo antes? Compro logo do Brasil? Há descontos pra estudantes? Houvi dizer que tem um passe ou uma promoção, não lembro, que é algo tipo 'two for one', pra quem tá em dupla como eu...vc já ouviu falar em algo assim?

Quanto à internet e talz, vc acha que devo levar meu notebook? Quase todo local tem internet e talz, mas tô com medo é de ter que ficar levando o note de um lado pro outro, principalmente quando eu for viajar...será que se eu não levar fica tranquilo pra passar fotos pra família, falar com eles via skype, etc?

Ahhh, uma dúvida muuuuuito importante: que mala eu levo??? hahahsa
Já fui convencida a levar pouco e deixar pra comprar casacos mais pesados e talz por lá, mas queria saber +/- a base da mala como deve ser...e seria importante que elas fossem suficientes pra minha estadia lá e tb que possam ir nas companhias low cost no final da minha viagem sem pagar por excesso!! Tô querendo demais??? hauihauiahuiahiuahai

Obrigadaaaa demaaais pelas suas respostas!!!
Beeeijos

Luiza disse...

Larissa,

não gosto de falar de valores para evitar golpes e tal e até evito dar e-mail. Contudo o skype não há problema: luizaqueroga.
Sobre valores de hotéis você pode ver nos posts das outras cidades, eu sempre digo qual hotel e quanto fui mais ou menos. Eu geralmente escolho hotéis 4 estrelas que custem entre 40 e 60 euros, muito caro não dá, e muito barato é duvidoso.
O único destino que não dá pra economizar assim é Paris e Veneza, onde os preços começam em 80 euros.

Mel,

então sobre comprar lá ou aqui: difícil de dizer mesmo.

A carta te liberando tá na lista das exigêmcias para qualquer classe de visto, até turista. Você pode fazer algo que eu não me toquei em fazer: pegar o calendário da faculdade, no site da sua faculdade ou na secretaria deve ter. Pega o que mostre final deste período e início do próximo. A minha faculdade se recusou a dar carta, pois não se compromete, mas o calendário tem no site, eu podia muito bem ter pego.

Sobre os passes, vai no post "London" (barra a direita), lá explica melhor. Resumindo: você pega o oyster card por praticidade do uso, e para ter 30% de desconto em single tickets de qualquer tipo de transporte. Com ou sem oyster você pode pedir o day pass ou week pass, com os quais você pode circular ilimitadamente pelas zonas pagas. Se for adquirido o semanal, o preço por dia é inferior ao daypass. Só que o passe pro mês não vale a pena, o preço por semana é o mesmo que o do weekpass, e se você perder o cartão sem ter registrado você perde todo dinheiro nele, além do cartão.
Com o oyster você pode ter saldo negativo caso decida pagar pela zona 2 e ir até a 4, coisa que com o single ticket nao dá.

Luiza disse...

(cont.)
Ingressos pros pontos turísticos: compre pelos sites. As filas são enormes pra entrar e custa mais caro na hora, porque muitas vezes pelo site você pega descontos. Compre no site da Madame Tussaud's ou London Eye. Lá tem estas promoções que você tá falando, só que é esta OU tarifa de estudante, e as vezes uma tá mais em conta que a outra, tem de comparar. Compre na semana que você vai, pra não marcar muito cedo e ficar amarrada as datas dos ingressos (tem data e hora de entrada).

É bom levar computador mesmo. Ou compra por lá, um Netbook tá 200 libras. Você vai precisar do pc, não existem "lan-houses", tem até uma dentro de um restaurante brazuca em Tottenham Court Road Station, com bons computadores, e na sua escola vai ter de certo, mas não é comum por lá.
No post "London" também fala sobre internet. Tem muito lugar com wi-fi, mas não tem uma rede pra cidade toda como em Paris, então pra usar em casa, talvez você precise comprar um moden da T-Mobile de uso ilimitado de internet por 3 meses por 40 libras.
Eu nunca largo meu notebook, que já tá há 6 anos comigo, firme e forte, e já rodou o mundo comigo na mochila, é um peso que eu necessito carregar, sem ele não vivo. Eu sempre preciso verificar meus e-mail constantemente, e preciso de arquivos nele salvos para resolver problemas, e para organizar a própria viagem, por isso sempre recomendo levar.

Malas: leve uma grande com o que voce precise, volte com duas, inevitavelmente voce vai comprar uma na Primark lá, todo mundo compra. E nas low costs você geralmente paga 30 libras por mala embarcada, então tem de ser uma pra carregar na mão... e sinceramente: não voe de low cost. Os europeus mesmo não usam, é tudo de trem ou compania normal, isto porque eles cobrem qualquer prejuízo que lhe seja causado, tem serviço melhor, e no final saem pelo mesmo preço que uma low cost. As low cost são malandras: vendem o ticket por 5 libras, pra ir e voltar custa 10 libras, as taxas do aeroporto sao mais 30 libras ida e volta, e pra embarcar mala mais 30 libras, ai voce soma 70 libras, só que o aeroporto não é no centro, então você gasta mais 25 libras ida e volta do Luton (exemplo), ai soma 95 libras, só que o aeroporto no destino também é secundário então você gasta mais no destino... no final você gastou mais de 100 libras.
Sabe quanto custa um return tickets com boa compania pra qualquer lugar da europa saindo de Londres? Custa 90 libras, e você usa bons aeroportos, perde menos tempo, e eles te pagam se extraviarem sua mala (a easyjet extraviu a minha e não me cobriram nada, nem deram documento pra acionar o seguro viagem, se recusaram a gerar registro do ocorrido).

abs,
lu

Mel disse...

Pô, brigadão, Lu!
Em breve eu volto com mais perguntas! hahaha
=DD

coop disse...

Luiza,
Td bem? Estou nos preparativos da mala. Ficarei 30 dias em residencia estudantil e preciso tirar umas dúvidas. Vc acha melhor comprar edredon, travesseiro lá ou levo daqui? Produtos de higiene pessoal compro lá ou levo daqui? Será q as roupas da Primark são de boa qualidade???
Te add no skype, ok? rs
Beijos
Cintia

Luiza disse...

Cíntia,

muito boa a pergunta! Esqueci de avisar que Primark não é só roupa e mala à preço de banana, mas também roupas de cama e banho dentro outras coisas úteis. Tem tudo o que você precisa pra sobreviver em Londres! E tudo muito barato. Nem vale apena lavar lençol e meia, é só ir lá.
Então a resposta é: compre lá!
Leve apenas uma mala com o essencial. E higiene pessoal você até leva, principalmente óleo para o cabelo e corpor, você vai precisar pois o clima é muito seco, seu cabelo vai sofrer, passe silicone e óleos sempre antes de sair de casa no cabelo e nas mãos.

A Primark é de ótima qualidade, pelo preço que é, é ótimo! Como eu já disse, tem um corte errado aqui as vezes, outra costura torata lá, mas se você observar verá que todas as roupas da Diesel também tem! E o tecido não é o mais nobre, mas também não é vagabundo. Alguns não gostam de comprar lá por pena das crianças chinesas e vão comprar em outras lojas, como até mesmo a Diesel, que produz nas mesmas fábricas da Primark pela China, além de tambem explorar o trabalho em Laos e Vietnam. Não tem muito como fugir disto.

Nos falamos pelo skype!

abs
lu

Márcia Mendonça disse...

MARAVILHOSO ESTE BLOG!
Estou a horas lendo...virou um vício ja!
Obrigada Luiza, por tanta informação.
Abraços.

Mel disse...

Olha eu aqui de novo...hehehe!
Vc me convenceu a levar o notebook! hehehe
a minha dúvida é: tenho que declarar o pc, a camera digital, mp3...e talz antes de sair do Brasil? Como faço isso?
Obrigada de novo!
=DDD

Luiza disse...

Márcia,

obrigada!

Mel,

você deveria, mas a maioria não faz. Te recomendo fazer pois não dói nem custa nada. Basta ir lá com o produto que terá um número de série em seu verso, provavelmente.
No galeão um guichê da Polícia Federal para isto encontra-se no primeiro andar do terminal 2, pertinho da escada rolante que dá acesso ao piso. Basta perguntar que os seguranças sabem.
Desta forma você se preveni quanto a eventuais problemas no seu retorno ao Brasil. E fique feliz em saber que as regras para a compra de produtos no exterior mudaram a nosso favor, agora o item de produtos de uso pessoal abrange mais produtos e deixa todos isentos de taxas e impostos.

abs,
lu

Lilian disse...

Oi Luiza, tudo bem?
Adorei seu blog tb! Fiquei a manhã inteira lendo todas as mensagens...rs... me tranquiliza saber que muitos têm as mesmas dificuldades que eu!

Sei que você já respondeu algumas questões, mas li tantas coisas por aí que me deixaram bem confusa. Vamos lá:

Pretendo ir para Londres ano que vem, em fevereiro, para ficar 3 meses. Assim como alguém já citou, fiz cursos aqui em SP e hoje estou no nível intermediário. Porém não me considero mto neste nível pois sou super travada para me comunicar e tenho inúmeras dúvidas sempre... acho o inglês um tanto qto complicado...rs.. assim queria viajar para tentar resolver um pouco este meu problema com a língua.
Eis algumas dúvidas:

- Visto: entrei em contato com uma das agências que estou cotando e eles me disseram que é importante eu tirar o visto aqui. Não sei se disseram isso pq eles cobram um auxilio visto de R$200,00 ou se é importante mesmo. Em outros lugares li que não tem necessidade visto que são só 3 meses e que daria para ir direto e tirar o visto lá. Enfim, como existe um custo para tirar o visto aqui e estou tentando economizar de todos os lados, penso em tirar o visto lá mesmo (já que tb é uma loteria). Foi isso que você fez né? desta forma, é possível tirar lá o visto de 3 meses de estudante (já que terei a comprovação da matricula e pagamento da escola) ou lá só dão visto de turista?

- Escola: antes de ler seu blog já estava pensando em fechar com a the english studio, devido ao custo mais baixo e localização. Estou vendo com uma agência que o preço está ok (da escola), mas eles cobram altas taxas.... como vc fez para fechar direto? vc tem o contato do escritorio aqui no Brasil? ou de alguma agência que trabalhe com essa escola?
Ah, e vc conhece a Lite College? Fica na 28a Queensway Bayswater - London W2 3RX. É uma outra opção de escola com o msm custo.


- Acomodação: pretendo ficar em casa de estudante por ser mais em conta. vou fechar com a agência a primeira semana e tentar fechar as demais semanas lá em londres mesmo. Você acha viável? na imigração eu nao terei a comprovação da estadia durante as 12 semanas, mas se eu levar a grana suficiente para isso, é válido?
Ah, a agencia me passou um valor de 230,00 reais/semana para um quarto (dividindo com 3 pessoas) na zona 2 ou 3. Você acha que consigo algo neste valor (dividindo com esse numero de pessoas)? Mas não é a agencia que estou vendo a the english Studio. Esta agencia me oferece a escola Edgware, você conhece? Alias, ela é mais barata que a TES.

- Por último adorei as dicas de gastos semanais/mensais. isso está me ajudando muito a fazer minhas contas já que estou juntando tudo o que posso para fazer esta viagem. Aliás, você acha que em 3 meses volto falando e entendendo alguma coisa em inglês? rsrs... fico super insegura em investir maior grana e não ter retorno algum.

Obrigada e desculpe pela looonga msg. Mas estou ansiosa com isso tudo..

bjus

Lilian

Luiza disse...

Lilian,

obrigada, que bom que gostou.

- Visto estudante: para períodos inferiores a 6 meses você não precisa de visto nenhum, estão te enrolando. Querem tirar mais grana de você e complicar o processo. Aliás, eles devem recusar o seu visto de estudante uma vez que seu curso terá duração inferior a 3 meses, então eles recusaram o visto e evitaram de te dar um visto que te permita trabalhar. Achei até super picaretagem desta agência. Isto porquê, se você não conseguir o visto eles não são obrigados a te reembolsar, pode ver esta clausala lá no contrato. Vão te dirar dinheiro de algo que você nem precisava, e lucrar em cima de você, muito cuidado com estes malandros. A não ser que seja o EC, que é um documento dizendo que você é aceitável no UK, e usado por pessoas que já tiverem entrada negada ou envolvimento com crimes, não é seu caso.

- Como tirar Student Visitor Visa: você precisa ter em mão principalmente uma carta da escola confirmando sua inscrição, ela é carimbada e assinada, e chega a você por correio, acompanhe e veja se a escola já a enviou. Isto é o que vai te dar a entrada como estudante, um carimbo que te permita estudar. Os outros documentos são normais referentes a um turista, como prova de vínculo com o Brasil, reservas de acomodação, dinheiro disponível, seguro viagem, passagens de volta... etc.

- Escola: para fechar diretamente com as escolas é simples. Basta ir ao site delas, e entrar em contato com eles no seu inglês rasgado mesmo. Ligue ou mande um e-mail solicitando sua matrícula, e acompanhe se o pagamento foi efetuado, se já esta inscrita, quando é o teste, e se já enviaram suas cartas para passar na imigração. É bem simples mesmo, é só ir ao site deles e se inscrever, assim você paga a taxa de matrícula da escola, e só, nada mais pra agências. O site da TSE tá lá em cima, e você se acha lá, mas ai vai o link direto: http://www.the-englishstudio.com/courses/
"Once you've decided on a course from the list below, simply click on 'Book this course' below the prices of your chosen course. You will be directed to our course booking page."
Esta escola tem representação no Sul e em SP se não me engano, mas você pode se comunicar direto com a sede em Londres.
Não conheço a Lite College, verifique se é reconhecida pelo British Council, e se for é uma opção.

- Acomodação: você também pode fechar acomodaçao direto com a escola quando contratar o curso pelo site, e sai mais em conta. Arrumar aluguéis em Londres é fácil, contudo já vá procurando daqui, pois você agiliza o processo de busca, e garante ter um teto antes de ter de sair da primeira casa. A imigração tá acostumada com isto, é só deixar claro que você vai buscar por alugueis mais em conta, mas que pode extender a moradia que está a qualquer momento caso não consiga. Leve a grana da estadia que é paga sempre em dinheiro, caso você já não a tenha pago daqui. Conta muito sim.
Você encontra um quarto para 3 pessoas por 60-80 libras fácil nestas zonas, o que dá por volta disto mesmo creio eu, um pouco menos. Um quarto só para você gostaria 100-120 libras/semana. A escola Edgware eu conheço, não parece ser melhor que a TES, mas não é nada ruim.

- Fluência: você, como eu, deve ter estudado inglês durante anos. E como eu vai chegar, desembarcar do avião, e já no corredor antes de pisar no aeroporto um britânico já vai vir te entupindo de perguntas em uma língua que você não conhece. Foi assim que eu me senti! E a moça se irritou pois eu não entendia nada do que ela disse, então eu a interrompei e disse: "eu aprendi o inglês americano, e acabo de descubrir que não entendo nada com este sutaque britânico, me perdoe".
Sem dúvida eu aprendi muito e evoluí muito no inglês. Não tenha medo de errar, e o britânico é nojento: eles percebem seu erro e te corrigem a cada segundo, coisa que americano não faria. Você passa a achar que não sabe nada, mas é ótimo pois vai aprender muito, e ganha fluência sim! Tem é de perder o medo de errar.

Pergunto o quanto quiser.

abs,
lu

Evelyn disse...

Luiza, como sei que você fechou tudo por conta própria o seu intercâmbio para Londres, queria tirar uma dúvida. Ao preencher a "application form" da escola em que pretendo estudar (Edgware Academy), aparecem as opções de entrega da carta de estudante visitante: "Recorded delivery" (10libras)e "Express/courie delivery" (60 libras). Achei a diferença gritante e é óbvio que prefiro a 1ª opção, mas não faço ideia de como essa recorded delivery funciona. Pensei que pudessem me enviar por e-mail mesmo. Você teria como me explicar?

Luiza disse...

Evelyn,

a carta da escola tem de ser assinada e carimbada em papel especial, por isto que não pode ser enviada por e-mail, e assim eles evitam falsificações.
Quando a carta me foi enviada por correio não me cobram nada, e ainda veio de DHL express, o mais caro e rápido. Então não sei te dizer sobre estes serviços já que não tive de escolher, a escola me mandou apenas com a minha solicitação sem taxa extra.
E pelo que lei a diferença que conta entre os serviços é o tempo. E tá muito caro, geralmente é menos de 5 libras.

abs,
lu

Mel disse...

Lu, fiquei em dúvida agora...recebi a carta da malvern por email e talz, não tava sabendo disso de correio não...como ainda vou em dezembro e nem fiz o teste online ainda, será que é isso que eles estão esperando?
=**

Luiza disse...

Mel,

eu pedi a carta, e eles me mandaram uma por e-mail, e uma semana depois chegou a correspondencia. E eu perguntava frequentemente se a carta jah estava chegando. Foi iniciativa do curso mesmo, nao tive de exigir muito disto. Soh bati cabeca quanto ao meu nivelamento e falta de informacoes sobre a minha turma, fora isto eles fizeram todos os procedimntos que deviam, inclusive envio da carta.

abs,
lu

Lilian disse...

Oi Luiza!! tudo bem?

Obrigada pelas respostas e pela ajuda.. se as agências que eu contatei fossem assim, tão prestativas, já tinha fechado com alguma delas... mas como elas muitas vezes simplesmente não respondem, daí fica difícil né... azar o delas pq agora quero fazer direto com a escola...rs

Aliás, se realmente eu for em fevereiro do ano que vem, com qto tempo de antecedência vc acha que devo iniciar minha matrícula na escola (escolhi a TES)? Pois leva um tempinho para fechar, pagar, chegar aquela carta, certo?!
Ah, fui nesse fim de semana em uma feira de intercâmbio aqui em SP. Pedi algumas informações sobre valores (para ver se tinha algo que compensava, mas não achei nada de bom)e eles acabaram me passando algumas orientações também.

Uma das coisas que fiquei com um pouco de receio é sobre o nível de inglês. Agora diz que precisa de nível intermediário para frequentar escolas em londres, é isso mesmo? eu terei, até o final do ano, um certificado para comprovar, porém fico com medo de na prática meu inglês não ser tão intermediário e isso emperrar em algo. Como funciona isso?

Outra coisa que queria saber é se tem alguma taxa que tenho que pagar além da de matrícula para a escola... é que as agências cobram tantas taxas que não sei o que é obrigatório (taxa de acomodação, taxa de visto, taxa de transferência internacional, etc).

Por último, uma pergunta meio tonta, mas vamos lá: a imigração não "pega no pé" de quem faz tudo por conta, sem intermédio de agência?
Você já ouviu falar na UKstudy?? É um profissional (International Account Manager) que presta informações sobre o que é necessário para viajar para londres e auxilia na matricula em algumas escolas sem cobrar nada por isso.

Obrigada!

bjus

Lilian

coop disse...

Luiza,
Td bem...Tem 4 dias q cheguei em London...Estou amando este lugar...Só não achei um celular desbloqueado para comprar... E tb não consegui fechar as viagens de fim de semana para outros países...Help me please!!!!rs
Bj

Luiza disse...

Lilian,

ínicie sua matrícula com 3 meses de antecedência, no mínimo 45 dias de antecedência, devido a passagens aéreas, e demora da confirmação de inscrição, testes, e documentos a serem enviados. Estes motivos que você citou.

Nível de inglês: ERA intermedíario obrigatório para estudantes de períodos superiores a 6 meses, se você fosse ficar menos tempo não precisava nível mínimo, não como está agora na nova regra; mas ainda acredito que não precise se for menos de 6 meses. De qualquer forma, vá na comu do orkut "Eu vou pra Londres" e pergunte que alguem vai te responder com maior certeza.
E basta você falar sem medo quando cehgar, mesmo que erre o importânte é ser fluente e não avançado, ou seja, não tenha medo de falar mesmo errando.

Taxas: as escolas pedem taxa de inscrção para cobrir os processos administrativos e só. Se optar por acomodação por eles, haverá mais uma taxa por este processo administrativo de busca de local para você. Cada um custa umas 50-70 libras. O gasto adicional ao chegar será o material didático obrigatório, custando 20-30 libras.

Imigração: não há diferença entre você e este aluno de agência. Você vai ter os documentos que você buscou, e o outro vai ter os documentos que ele deveria ter buscado, mas a agência fez este trabalho por ele. É a única insignificante deiferença. Ambos tem a mesma chance de ser mandados de volta, apesar do papel dele ter um logo de agência, é indiferente. O que importa é sua conduta lá, e o nível de grosseria e ignorância do oficial, nisto conte com a sorte.

UKStudy: eu usei para achar as informações, foi um dos principais sites de busca, mas não busquei contato com eles para auxilia, apenas usava o site para me informar e ajudou bastante.

Cíntia,

celular desbloqueado é na Carphone Warehouse, tem várias na Oxford St.
Viagens para outros países é bom buscar passagens aéreas ou terrestres com antecedência, pois os preços aumentam quanto mais próximos a data da viagem.
Por este blog você pode reservar trens, pela ferramenta de busca lá em cima. E por aqui você também encontra links da rede Accor com códigos promocionais.

Você pode procurar um post de uma cidade específica no blog para se informar mais sobre o local.

abs,
lu

Lilian disse...

Obrigada Luiza!

Sandra disse...

Oi Luiza, como tantos quero te parabenizar e agradecer pelo blog !!
Decidi que ano q vem vou estudar inglês na Europa, pretendo fazer um curso de 3 meses pra me virar no inglês e depois conhecer em um mês alguns países da Europa. Porém estou super indecisa qto a cidade, a princípio pensei em Londres, mas nas agências me falaram q era mais caro o custo de vida e q em cidade do interior teria mais contato com a cultura, ai vi orçamentos para oxford, cambridge (sei q são cidades universitárias e por ter 33 anos não sei se tenho paciência) mas achei legal por me parecer cidades totalmente diferentes, falaram de brighton e bournemouth, com praia, mas praia tenho aqui no brasil e por isso não faria questão, apesar de adorar....dai fui pra questão de comida, acho q na inglaterra deve ser bem diferente, não sei se irei gostar, então vi q tem curso em Malta, vc conhece? mas me falaram q lá o inglÊs sofre influência da italia e do próprio maltes, mas o custo de vida é mais baixo, até por ser o euro a moeda e é mais baixo q a libra, a comida, sofre influencia italiana e arabe e gostei disso, mas o país é super pequeno, não sei se é fácil conseguir emprego pra bancar o mês q quero viajar pela europa depois...dai pensei em ficar um mês em londres, pra conhecer, e tb pq parece mais facil arrumar emprego, gasta bem, mas ganha bem tb né...e 2 meses em malta, pq afinal é perto da grecia, da italia, q quero conhecer....enfim, o q vc acha? pode me ajudar com mais informação? desde já, mto obrigada

Dan disse...

Luiza!!

Seu blog é perfeito e tem me ajudado bastante! Parabéns pela iniciativa e dedicação!

Agora deixa eu tirar umas dúvidas:

1- Estou querendo ir em novembro. Vi orçamentos para a escola Eurocentres central e em lee green. Fiquei bastante perdida a respeito desse local (lee green). É um bairro de Londres? É perto da zona 1? Se vc tiver alguma informação para me dar a respeito, ficarei muito agradecida.

2- Estou querendo ir para Londres para aperfeiçoar meu inglês, que é de nivel intermediário. Ocorre que estou com um medo enorme de não alcançar tal objetivo em razão de uma experiência que já tive. Fiz intercâmbio para Toronto, no Canadá, e a cidade á tão cosmopolita, que não consegui conhecer nenhum canadense sequer. Ou seja, não tive o real contato com a língua, com os nativos, que na minha opinião é o que faz a pessoa crescer rumo à fluência. Meu medo é chegar em Londres e acontecer a mesma coisa. Qual é a sua opinião a respeito? Sei que a pergunta parece meio ridícula, mas será que lá conseguirei encontrar britânicos com facilidade e com vontade de conversar?

Muito orbigada!

Luiza disse...

Sandra,

obrigada pelo carinho.
Para onde ir: eu também pensei, em primeiro lugar, países como Malta, Dubai, Singapura, e etc. UK era minha última opção, mas acabei escolhendo pois seria bem melhor para aprender o inglês em sua origem, e não variações como você realmente encontra em Malta e outros lugares que tem suas expressões próprias e girias, assim como o português nosso é bem diferente do de Portugal ou Angola, apesar de na base ter as mesmas regras.
Ir para uma cidadezinha pode ser bom, mas Cambridge e Oxford, são mais caras que Londres, acredite, já que em Londres tem várias lojas e bons restaurantes baratíssimoa, e os alugueis para estudante estão razoavéis desde a crise.
Já Brighton... tentaram me vender, como O destino, tem praia, é badalado, e o mar de rosas. Detalhe: eu ia no auge do inverno! Para você ver como é vendedor, e a escola custava o mesmo preço que Londres.
Se for pra ir pra Inglaterra, vai pra Londres, pois tem tudo, e é barato, assim você não passa em Londres por apenas 2 dias em um final de semana.

Se quiser saber mais sobre Malta que é um destino tentador mesmo:
http://www.conexaomalta.com.br/Custo_de_vida_em_Malta.htm

Dou meu apoio se optar por este país.

De lá tem cruzeiros por apenas 1000 euros uma única pessoa (Casal cai o preço), e que rodam todo mediterrâneo, ou seja, Tunisia, Turquia, Espanha, Italia, França, enfim... você vai dar a volta então vale o preço.
Quanto a emprego eu não sei, mas não deve ter muita dificuldade, tem poucos brazucas e estudantes como você. Contudo, precisa saber que não vai ouvir inglês o dia todo, e voôs saindo de lá são caros.

Dan,
obrigada também pelo carinho.

1- Não lembro ao certo, mas se for onde eu to pensando... não é um local muito atraente não, acho que é na zona 2/3, e na região mais barra pesada e sem atrações turísticas. Sem falar que esta escola é extremamente cara, e muitos dizem, pela internet, não valer o preço.

2- Não vou negar: é difícil fazer amizade com Londrino. Geralmente gente de outras nacionalidades puxam assunto constantemente, seja nos pubs ou no ônibus. Se você tiver indo a baladas mais locais, no subúrbio fica mais fácil encontrar londrinos. A sua melhor oportunidade de puxar assunto com eles e conseguir uma amizade, é no ponto de ônibus, reclamando da demora e/ou do mal tempo. Daí é só estender a conversa e você já faz uma amizade. Em outras ocasiões eles são mais fechados e arrogantes, é o jeito deles.

Abs,
lu

Sandra disse...

oi Luizaa, muitíssimo obrigada por sua atenção e pelas informações, eu já tinha entrado no site de malta q vc falou e por isso estou tentada a ir pra lá...mas ajudou mto, pelo menos se eu for pra Inglaterra vou pra Londres mesmo, acho q locomoção tb deve ser mais barato e fácil pra qq outro lugar...ontem a noite acabei entrando em uma comunidade do orkut sobre malta e só vi elogios, dei uma passadinha na eu vou pra Londres, mas vi mais posts sobre a Marvern q é o melhor custo pra lá e pelos seus comentários é bom, procurei a outra escola q vc falou, mas ainda não tive retorno das agências...mas enfim, to pensando em ir um mês lá pra londres, pra de lá visitar a holanda, alemanha e depois ficar 2 meses em malta e ir para os outros países...nossa tanta dúvida né...se me decidir por isso mesmo, volto a te procurar pra ver indicação de trampo lá em londres, vi q vc tem bastante contatos....mas brigadão mesmo viu, se o mundo tivesse tantas pessoas como vc, dispostas a ajudar, as coisas seriam bem mais fáceis...heheh
bjo

Anônimo disse...

Olá, Luisa!
Primeiramente, parabens pelo blog!
Tenho uma dúvida e gostaria da sua ajuda...

Quero ir para Londres para ficar um ano
Minha dúvida é: posso ir com visto de turista (tenho amigo que mora lá) e trabalhar?
Pelo que eu vi, esse visto era para 6 meses, podendo ser solicitado prorrogação. É isso mesmo?
Minha dúvida é: esse visto permite estudar tbm?

Quero mto ir para estudar tbm, mas se ir como turista for mais viável financeiramente, der para morar e trabalhar, é assim que eu vou!

Please! help me!

Obrigada!

Priscila Prezzi disse...

ahh meu nome é Priscila!

Luiza disse...

Sandra,
de nada, volte sempre que tiver mais dúvidas.

Priscila,
você deve ir com visto de estudande ou "high skilled professional" (algo assim) se quiser trabalhar por lá. O mais fácil é o de estudante, que pode ser prorrogado, e te permite trabalhar. Já o visto de turísta ou estudante visitante, não te permitem trabalhar e ambos não podem ser prorrogados. obs.: A verdade é que dá para prorrogar lá apesar deles dizerem que não daria.

Apenas o "student visitor visa" ou "student visa" te permitem estudar, mas apenas o último te permite trabalhar e pode ser prorrogado.

Você deveria ir como Student mesmo, assim você vai poder trabalhar, estender seu visto se precisar, e vai estudar, além de ser mais fácil de tirar. Se você for como turista apenas vai trabalhar ilegalmente, e vai ser difícil conseguir entrar no pais sem ter reservas de hotéis e tudo o mais que um turísta teria; no final, isto vai te custar mais caro pois tem de provar ter mais dinheiro que um estudante, além de que se pega você nunca mais entrará no UK ou na UE.

Se algo ainda não ficou claro, basta perguntar.

abs,
lu

Rafael disse...

Oi Luiza!
Gostei bastante do seu blog.
Desejo tirar algumas dúvidas.
Eu vou passar 8 semanas em Londres, estudando inglês, e acomodação em casa de família, onde vou contar com café da manhã e jantar. Gostaria de saber de você qual a média total de gastos/semana, considerando o almoço, possíveis lanches, saídas e transporte.

Obrigado,
Rafael.

Priscila Prezzi disse...

Lu,

Muuuuito obrigada pelas informações!
Então se eu for com visto de turista para passar uns meses na casa do meu amigo, fica mais dificil conseguir o visto, além de precisar de mais dinheiro para comprovação?
Outra coisa, se eu tirar o visto para Irlanda e ir para Inglaterra, não posso trabalhar legalmente, né? eu consigo ficar por lá, ou preciso de "outro visto"?? Aliás, é fácil acesso da Irlanda para Inglaterra???

Bj!!!

Anônimo disse...

Oi, Lu!

Vou pra Londres na próxima semana. Farei um curso de 3 meses por lá. Tenho três dúvidas: meu vôo faz uma escala em Portugal. Devo me preocupar? Onde devo comprar roupas em Londres (além da Primark)? Fará muito frio quando chegar? (é bom levar alguma roupa mais pesada daqui)?

Bjs

Gui

Márcia Mendonça disse...

Olá Luiza!Tudo bem?
Help me, please!!!!
Li e reli seu blog "trocentas" vezes, porém não confiando em mim resolvi fechar um curso de inglês por 6 semanas nesse escola:(LSI Londres Central , 19-21 Ridgmount Street, London, WC1E 7AH)através de uma agência. Lóóóógico que não me deram suporte nenhum!!!! Mas também fechei só o curso mesmo, vou correr atrás de passagem aérea e acomodação sozinha. E são estas justamente as minhas dúvidas.
Começo no dia 03 de janeiro e tenho visto que as passagens aéreas saindo dia primeiro estão com os preços de morte!!!rs. Pensei em sair dia 31 e passar o reveillon no avião mesmo (a diferença chega a 500,00 reais. Minha família diz que é loucura. Será??? Eu mesmo não me importo. Preciso economizar...e a questão é que preciso tomar essa decisão rapidamente pq até as passagens para essa data vão ficando escassas com esse valor. Porém, na agência me pediram 4 semanas para retorno de confirmação de matrícula e aí sim comprar passagem. Seria muito arriscado ja comprar para o dia 31 sem ter a efetiva confirmação de matrícula???
Preciso resolver isso para partir para acomodação. E esta é outra dúvida. Quero alugar quarto single em casa de estudantes. Nada de residência estudantil própria escola ou homestay. Você pode me indicar algum? Até mesmo que conheça ou tenha conhecido (levando em conta a localização da escola)? Vi o site que vc indica nesse blog estou verificando com calma...
Ufa! Escrevi tanto!rs
Sua opinião é muito importante pra mim!
Obrigada, abraços.
Márcia Mendonça

Luiza disse...

Muitas perguntas! Respondendo uma um por partes.

Rafael,
a média de gastos foi citada aqui já. Basicamente você gasta isso, em média pode ser mair ou menos:
- Almoço fora: £7/dia (5 dias na semana);
- Mercado: £20/semana;
- Lanche fora: £3/dia (nos supermercados tem promoção para lanches, leve biscoito+bebida+doce e sai por £2-3), considero 5 dias na semana;
- Pubs: £10-15 fins de semana (1 pint de cerveja custa umas £3.5);
- Transporte: £25/semana;
- Museus e atividades: maioria gratuitos;
Total por semana: £110.
Sai menos do que isto se souber administrar a grana e não abusar em pubs. Uma noitada no Walkabout pode sair por £5, e seu almoço £4 em chinatown, por exemplo.

Priscila,
imagina você chegando na imigração e contando que vai ficar uns meses na casa de amigo. Eles houvem estas histórias de imigrantes que querem morar e trabalhar ilegalmente, então vão te deportar. Além de ter de provar £60/dia disponível, ou a pessoa que vai te receber e ser seu Sponsor tem de provar ter recursos. Por isso o visto de estudante é melhor, e você mostra que quer trabalhar legalmente desta forma.
Sobre Irlanda-Inglaterra, eu realmente não sei. Contudo o visto é UK, então deve ser aceito lá. Só que não vai funcionar, você precisa de um visto de estudante, então vai ter de comparecer as aulas, se imigrar para Londres vai acbaar sendo deportada por não estar estudando com o combinado, é preciso já ter tudo conforme seu destino, e tirar visto para lá. Busque mais informações em comunidades no orkut sobre isto.

Luiza disse...

Gui,
Sobre escoala em Lisboa, você tem 99% de chance de passar pela imigração lá. É meio confuso lá, você vai entender o que estou dizendo. Tem gate sem imigração para escalas, é confuso. Isto porque UK é e não é UE, tem alguns acordos assinados, outros eles quebram deliberadamente, etc.
E você deve se preocupar, a pior imigração para brasileirAs é Lisboa, homens não tem tantos problemas. Somos prostitutas na ignorância deles, que julgam brasileiros pobres. Aparentemente não foram informados de que o Brasil tem mais milionários que a Suíça, e 14 vezes mais do que eles.
Em Lisboa eles pedem tudo! Seguro Viagem, passagens, dinheiro, e etc. Além de serem grossos, mesmo assim você deve manter a pose de educado, mas não de humilde, eles respeitam quem tem recursos.

Compre roupas em Candem Town também, e qualquer outra loja na Oxford St. são baratas, mas nada se compara aos preços da Primark.
Se você for em dezembro-janeiro, fará frio, uns -5*C normalmente, então leve alguns casacos para primeira semana, e compre o resto lá. Se puder comprar o conunto de roupa térmica compre, vai ser útil durante a adaptação, depois você deixa de usar.

Márcia,

tive o seu problema com passagens, ou os voôs estavam lotados (até primeira classe!), então atrasei minha ida em uma semana.
Espere a resposta da escola, depois procure voôs, se não der mude a data com a escola. Caso tenha passagens em executiva por R$500 mais caras que a normal, compre-a, você tem direito a transfer e telefone gratuitos, dentre outras mordomias que valem o preço. Foi o que eu fiz.
Se não tiver jeito, vire o ano no avião. Aposto que servirão champagne pra classe economica! =P

A confirmação da matrícula é rápida, 1 semana, entre em contato direto com a escola e veja se a agência já pediu, se não dê seus dados a escola para eles verem se tem vaga, e brigue com a agência para agilizar e diga que já falou com escola.

Não compre sem a matrícula, a não ser que você dê um intervalo, ou seja coloque a volta para 1 ou 2 semanas a mais, assim você pode pedir vaga para segunda semana de janeiro ao invés da primeira sem medo.

Para arrumar acomodação é fácil, contudo você só encontra um mês antes, com muita antecedência não tem nada.
Minhas indicações são estes sites citados no blog.

Se ainda tiverem dúvidas, retornem.

abs,
lu

Márcia Mendonça disse...

Muito obrigada Luiza!
Entrarei em contato com a escola. Nem tinha pensado nisso...afff...
Abraços!

Mel disse...

Lu, vc colocou a temperatura certa mesmo? -5°C?
Não imaginava negativo por lá não... o.O
Fiquei com medo agora, vou pela TAP por Lisboa! Eu e uma amiga, visto de visitor!
Vou chegar em Lisboa 11:10 da manhã e saio de lá umas 14 e pouca e chego em Londres 17 e pouca...vc acha que o horário altera em algo a imigração? Tô ansiosa com isso, vou com tudo certo, não vou trabalhar nem nada, carta da escola, segura saúde, passagens de ida e volta...enfim!
Outra coisa, toda hora que eu sair pra viajar e entrar de novo em Londres, terei que passar pela imigração, né? E pra entrar nos outros países da UE tb?
Oh, God! o.O
Brigadão,
Beijos

Luiza disse...

Mel,

não faz negativo não geralmente, mas no ano que fui tava -2*C com freqüência, e a sensação térmica é ainda menor devido ao vento. Como este ano fez muito calor, e como o aquecimento global tá ai... pode contar com -5*C mole. Aqui tem um histórico de temperatura:
http://www.bbc.co.uk/weather/world/city_guides/results.shtml?tt=TT003790

A imigração é tranquila, é só manter a pose não importa o quão rude eles sejam. Fique sempre clama, as vezes eles até gritam para te assutar se tiveram desconfiando de você, é só ficar na sua sem medo, sabendo que isto é proposital mesmo já para ver se você fica nervosa. Ou seja, sempre mantenha a classe, não "desça do salto".
O horário não influência ao meu ver.

Lembre-se de que toda vez que viajar é preciso ir na secretaria do curso e pedir uma carta com permissão para tal. É simples, basta dizer que vai viajar e que precisa de uma carta para imigração, e você sai com ela na hora. Assim fica fácil sair e entrar do UK ou UE, é a prova de que estão cientes de que é uma breve viagem, e que você tá voltando para o curso.

abs,
lu

Mel disse...

huuum, tava por fora dessa carta na secretária pra viajar, obrigada :)
E a que tenho que pedir aqui no Brasil na minha facul é pra eles atestarem que estou de férias? Em português mesmo?
Meu curso é daqueles que começaram no segundo semestre, ou seja, meu ano letivo só termina no meio do ano...será que uma carta confirmando isso basta?
Essa parte da imigração é o que está me deixando mais tensa. Fico nervosa quando leio na internet alguém falando que foi barrado e tava com tudo certinho..ser´q que tava com tudo certo mesmo? Prefiro não acreditar no julgamento preconceituoso dos carinhas lá da imigração, apesar de achar que realmente pode acontecer...
Enfim, valeuzãooooo mais uma vez!
=DDD

Lilian disse...

Oi Luiza, tudo bem?

Eu de novo por aqui.

Me diz uma coisa.... em fevereiro/março/abril ainda escurece cedo em Londres?
Pois estou pesquisando escolas de manhã, para aproveitar a tarde para estudar e explorar a cidade, mas se anoitece 4PM (como falam) será que não compensa eu estudar a tarde? E aproveitar a manhã para fazer mil outras coisas?

Outra coisa sobre a imigração que lembrei: morro de medo de travar na hora que estiver na imigração de tão nervosa e nao conseguir falar e nem entender nada. "Queima" o filme se eu pedir um tradutor??? Aliás, eles têm tradutor lá não é? rs

Obrigada!

Lilian

coop disse...

Luiza,
Td bem?

Mais uma consultinha básica...rs
Vc conhece alguma casa de Chá legal, bonita e barata? Quero seguir a tradição londrina e tomar o chá das 5...rs

Beijos

Luiza disse...

Mel,

você precisa que eles atestem em inglês, ou leva um calendário escolar provando que você estará livre naquele período.
Como você tem um semestre de folga, basta pedir algo dizendo que você está inscrita e que começa no dia tal, e tem de ser em inglês, ou tradução oficial da em português. Contudo levei documentos em português mesmo, já que fui mão-de-vaca e não quis pagar tradutor, e deu tudo certo.
Lembrando que a carta deve ter contatos da faculdade e assinaturas e carimbos.

Tem quem esteja com tudo certo e seja barrado, mas é porque eles sorteiam mesmo algumas vezes, seja pela sua cara, forma de se vestir, ou modos. Na porta do avião já fica claro e ocorre em todos os países: um oficial da imigração sorteia alguns para fazer perguntas já na porta da aeronave... adivinha quem é sempre pega? Eu! Nunca escapo desta, mas corre tudo bem. Devo ter cara de traficante, imigrante ilegal, criminosa, terrorista, ou sei lá.

E pense comigo: desde quando o ser humano é imparcial? É praticamente impossível, e na imigração onde você tem gente com uma educação não tão boa assim, decidindo se você entra ou não, é propício que eles errem. Esteja preparada, pois se acontecer você não pode se exaltar, mas tem de ligar corrento pro consulado brasileiro e se possível até gravar a conversa com o oficial como prova de desrespeito ou algo assim, como alguns brasileiros fizeram na Espanha.
Tenha sempre telefone do consulado do Brasil anotado em papel e no celular, e useo se necessário, mas não perca a pose com o oficial.

Lilian,

escurece cedo... não lembro ao certo, mas acho que é pelas 17h, mas no meio do ano (verão) tem sol até 22h.
Contudo, lembre-se de que o sol também nasce tarde, o dia é curto. As 9h ainda tá escuro e você reluta em levantar da cama.
Não sei qual dos horários para aula é pior... Eu estudei pela manhã e sempre chegava mega atrasada, já que levantar cedo, no escuro, com 0*C fora da cama é barra. Por outro lado, eu tinha muito tempo a tarde para rodar pela cidade, e principalmente em lojas, que abrem só as 10h e fecham às 20h ou até bem antes, 18h.

Imigração: eu não entendi nada, pois inglês britânico é muito difícil para quem não tá acostumada. Então eu disse para a moça ter calma, já que eu não entendi o sutaque britânico, e ela que tava de cara fechada até então abriu um sorriso e viu que eu realmente era preciso falar devagar, e foi bem simpática. Basta falar isto, culpe o sotaque complicado deles, e peça mais paciência pois você não esta acostumada com inglês britânico ainda. Evite chamar tradutor, principalmente se você não é turista e sim estudante. Para um turista tudo bem, já para estudante pega mal mesmo.

Eles tradutor até de Butão se você precisar, mas evite, a não ser que esteja realmente muito complicado explicar o que você foi fazer lá.

Cíntia,

lá você só vê o Pint da tarde! Pint do meio-dia. Pint da meia-noite. Costume inglês mesmo, é o de beber cerveja em pubs 24h dia. Por isso nem sei de casa de chá das 5pm, mas pode ir no pub as 5pm que eles vão estar no primeiro brinde ("save the gueen") pós-trabalho.
E eu nem gosto de chá... talvez seja melhor perguntar a alguém que não seja semi-alcólatra como eu.

abs,
lu

fatima (mooca) disse...

oi Luiza,gostei muito de suas respostas que me atrevo a perguntar algumas coisa,veja eu sou uma senhora de 55 anos que conheceu um ingles pela internete ,nos falamos por um ano ,em fevereiro ele veio conhecer-me pessoalmente e agora me ofereceu uma viagem para conhecer sua familia no proximo mes de outubro,vou receber a carta convite,ela tem que ser com firma reconhecida?...se eu não tiver cartão de credito ,alem das passagens de ida e volta,com endereço de hotel ,quanto eu devo levar em libras para que seja mostrado na imigração?,...na carta,ele estara mostrando todos os seus dados pessoais e se comprometendo a assumir todas as despesas a meu respeito,estou indo como sua amiga para turismo acha que terei problemas com imigração...por favor menina responda ok...obrigada

Luiza disse...

Fátima,

o seu caso é bem diferente de todos aqui.
Os documentos que você vai precisar são:
- Passaporte válido pelos próximos 6 meses no mínimo.
- Prova de acomodação: pode ser uma carta de quem vai te receber ou uma reserva de hotel/hostel, tais cartas não precisam ser autenticadas, não existe reconhecimento de firma na maioria dos países fora do Brasil, a assinatura já basta. Ou seja, a carta não precisa reconhecer firma, mas não esqueça de que precisa ter uma cópia da identidade e passaporte dele, dono da casa, junto a carta para mostrar na imigração que a pessoa existe. Aqui neste blog, na barra do lado direito você pode baixar os arquivos de como deve ser a carta.
- Passagem de volta: é bom que, indo como turísta (se caso) não tenha uma estadia superior a 1 mês no UK. Isto porque pareceria estranho para a imigração um turista, que não é mochileiro, passar muito tempo. Você pode mudar a data de retorno depois que entrar no UK, basta pagar US$120 para compania aérea e mudar a volta, o importante é provar que ficará pouco tempo para o oficial da imigração, depois se quiser mude a data de retorno.
- Seguro Viagem: este item é uma interrogação, não esta na lista de obrigações para ingressar no UK, mas eles podem pedir, e de qualquer forma é bom ter, caso algo aconteça o seguro cobre tudo, desde atraso do voô ou extravio de bagagem, até casos graves de acidente e internação. Custa uns R$150 a cobertura de um mês, e se tiver algum incidente na viagem, você deve entrar em contato com eles imediatamente e provar o ocorrido para receber reembolsos (ex.: R$200 por bagagem que chega só no dia seguinte).
- Dinheiro: é bom ter sempre, ao menos 600 libras (R$1800). Você precisa fazer um cartão internacional com seu banco, e também um cartão VTM (gratuito) em uma agência de câmbio/turismo. O VTM não tem anuidade, e as cotações de câmbio são menores, além de ser ótimo para saques no exterior. Junto a sua carta de acomodação ele pode assumir suas despesas, se dizendo seu Sponsor, mas é bom ter o seu dinheiro sim.

Na imigrãção, se você não falar inglês, pode pedir um tradutor SE necessário. Basta dar nas mãos do oficial as reservas de hotel, ou carta de acomodação, e as suas passagens de volta. E não esquece de manter um sorriso bem alegre de turista emocionado por estar no UK. Caso o oficial peça masi coisas, mesmo que você não entenda, de o seguro viagem, se ainda assim pedir mais, mostre o cartao VTM e/ou algumas libras. Se a situação tiver feia, diz que não tá entendendo nada e peça um tradutor (basta falar: "português, por favor").
Você não terá problemas assim. E se perguntarem:
"O que você vaio fazer no UK?"
Responda:
"Conhecer este país maravilhoso, e visitar meu amigo que me convidou a conhecer o país dele."
Não diga nada sobre relacionamento, para a imigração ele só pode ser um amigo, e nada mais.

abs,
lu

Sandra disse...

oi Lu, agora a dúvida é sobre seguro de viagem...qual vc recomenda? pelas agências de intercâmbio, eles oferecem uns, mas já vi reclamações, dai achei um site que compara preços e tem um tal de GTA, vc conhece? é bom? ou qual vc recomenda mesmo?
Outra coisa, eu posso ir lá pra Europa só com cartão de débito internacional e travels cheques? cartão de crédito eu não tenho e nem penso em fazer, o VTM cobra uma taxa salgadinha pra sacar né? mas enfim, se não tiver jeito prefiro o VTM...
brigadão
bjo

Sami Oliveira disse...

Oi Luiza!!!
AMEIIII seu blog.


Eu e uma amiga estamos qrendo ir pra londres pra estuda (6 meses pq se nao nem da pra arruma trampo neh???) e arruma um trabalho se possivel.
Agente NUNCA saiu di pais entao por onde devemos comecar?(ir tirar passaporte?qual documentacao ja arrumar,e cartoes q devo tirar etc)

Agente ta qrendo ir em baixa temporada pra pega passagem mais barata,q mes vc me indica?

eu nao sei fala ingles fluente axa q isso pode interferir pra tira o visto?

bjss

Márcia Mendonça disse...

Luiza!!!! Saudades de você! rsrs
Aparece aqui, please!
Consulto o blog 400 vezes por dia!rsrs
Abraços!

Luiza disse...

Mil desculpas, andei super ocupada na faculdade.
Respondendo as perguntas...

Sandra,

recomendo o Mondial Travel para seguro viagem, é barato e bom, eu sempre contrato este.
GTA eu já ouvi falar, nunca usei, mas não achei bom.

Faça um VTM, a taxa, mesmo que alta, ainda sim é inferior do que de bancos. E ele te salva se você precisar e dinheiro em uma emergência, basta alguém depositar (ou vc mesma) no cartão e você já pode usar.
O Travel Cheques muitas vezes não são aceitos, já o VTM sempre aceito, basta o estabelecimento aceitar a bandeira Visa.
Talvez seja bom pensar na hipótese de fazer um cartão internacional, mesmo que você não uso. Bancos como o Bradesco podem te dar isenção da taxa anual se você insistir. O cartão internacional é bom para passar na imigração, e você ainda pode ganhar milhas.

Cíntia,

sua dúvida foi transferida para o post Berlim.

Sami,

primeiro passo é o passaporte, é o passo mais complicado... tem de pagar caro (um serviço governamental que devia ser barato), depois buscar todos os documentos, esperar um bom tempo, toda burocracia, e depois receber. Acho este o passo mais chato mesmo.

Em seguida é preciso ver certinho o tipo de programa que você quer fazer, e ver os custos. Depois veja a documentação necessária, e providência. Só ai, então busque o consulado britânico para tirar o visto.
Com o visto em mãos compre as passagens. Como você vai ficar muito tempo, é marinheira de primeira viagem, e busca trabalhar, talvez seja melhor uma agência de intercâmbio. A agência pode te providenciar a escola, uma acomodação de 2-4 semanas (superfaturada), e a documentação para o visto, além de passagem de tarifa estudante.
Caso faça soziha é necessário buscar voô sozinha e a passagem sairá cara, já que terá um intervalo grande entre ida e volta.
Lá em cima, no post, você encontra links úteis para sua busca, site que diz documentos necessários, e etc.

É necessário ter um bom conhecimento da língua e fluência em inglês. Contudo lembre que fluência é diferente de conhecimento avançado. Você pode ter um inglês básico e fluente, com erros gramaticais; ou você até pode ter inglês avançado, mas não consegue se expressar; o primeiro caso ganha, é o que eles procuram: fluência. E você consegue, ouvindo música e vendo filmes sem legenda.

Márcia,

obrigada pelo carinho!

abs,
lu

Luiza disse...

Thiago Carvalho disse...
Preciso da sua ajuda...
queria saber se tinha como me ajudar na escolha da empresa para realizar o meu intercâmbio... me manda a empresa que você foi pois estou querendo ir próximo ano e já preciso começar a ver tudo... quero ir pra Irlanda pois o preço é mais em conta me ajuda? rs

Quarta-feira, Agosto 04, 2010 9:03:00 AM

Respondendo...
Sobre a empresa, eu fiz por conta própria, pois pode sair até 70% mais barato do que por agência, e é bem simples, o difícil mesmo é pesquisar bastante pra ter certeza antes de fechar tudo, e saber quais documentos são necessários pra imigração, já que uma agência te daria tudo de mão beijada.
Contudo, recomendo uma agência que não nego que é cara: EF Leblon. Foi a única a contar todas as verdades sobre os problemas e tudo o mais que você necarará e como proceder, enquanto que outras se mostraram irresponsáveis, superfaturadas e incopetentes. A EF é cara pois a escola tem preço internacional dos programas que são salgados. Já as demais cobram taxas absurdas em cima de tudo, inscrição na escola, superfaturam acomodação, taxa de serviços diversos, e tome taxa! Nisto elas lucram bem, sem falar que as vezes mentem o valor da escola, ou omitem promoções e vantagens, ou desvantagens para te vender o q querem.
Antes de fechar procure ler o contrato com atenção, e pesquise sobre processos em cima da empresa. A World Study tem tantos processos na justiça que assuta, além de nas agências dela eu ter tido o pior atendimento de todos, com gente totalmente despreparada e arrogante.

A YEP em Ipanema também me pareceu melhorzinha, a moça que me atendeu já fez intercambio em vários lugares inclusive na Dinamarca, e é bem prestativa, e se ela não sabe algo ela diz e busca saber, e sempre busca os melhores preços e escolas, me informou de todas promoções que tavam rolando, até para cursos em Malta.

abs,
lu

Sandra disse...

Muito obrigada !!!

Márcia Mendonça disse...

Luiza! Socorrooooooooo!
Recebi a confirmação de matrícula! (Que bom né?rs)
Estou agora com duas opções de passagens aérea e gostaria de sua opinião, caso possa, em relação as cias aéreas e até horários para minha chegada em Londres.
1) Lufhtansa Dia 31/12 GUA 19h55 - Conexão em Frankfurt com chegada as 10h25 no dia 01 e partida à Londres - 12h25 para Londres - Heathrow com chegada as 13h05.
Retorno de Londres - Heathrow via Swiss dia 13-02 as 18h40 com conexão em Zurick as 21h20 com partida as 22h40 para Guarulhos - chegando dia 14 as 07h45.
Valor total incluindo taxas: R$2.283,00 (comprando pelo Panamericano Viagens)

2) Guarulhos dia 30/12 partida as 21h35 Ibéria chegando em Madri as 10h35 dia 31. Partida de Madri as 17h40 com destino e chegada em Londres - Heathrow as 18h55.
Retorno dia 13/02 de Londres as 15h25 para Madri via Ibéria chegando as 18h45 e partindo as 00h30 para Guarulhos.
Valor: R$2.133,00 incluindo tudo e aplicada taxa de estudante.(comprando por agência de turismo)

Os preços estão ÓTIMOS! Tão bons que estou até com medo...rs

O que você acha? Fiz apenas reserva para os 2 faltando mesmo definir qual deles.

Aguardo qualquer comentário...rs
Abraços,
Márcia

Luiza disse...

Márcia,

a melhor opção é a primeira, voando Lufthansa e Swiss. Apesar do tempo de escala melhor ser o da Ibéria. Na primeira opção você tem risco de não pegar o voô a tempo se não ficar ligada nas chamadas de última hora, basta prestar atenção e passar à frente quando chamarem seu voô.
Já perdi voô, pois não me chamaram, e eu não insisti o suficiente para passar à frente, insista sem medo e justifique mostrando seu horário de embarque, mesmo que fure por uma fila especial.

Na segunda opção você tempo, só que é a pior compania aérea, e pior imigração para brasileiros. E se perder o voô com Lufthansa e Swiss, eles te realocam numa boa, são muito mais profissionais e tem serviço de primeira. Além de que eles são mais fáceis para mudar datas se necessário, pois as passagens tem poucas restrições.

Eu decidiria pelo 1 então.
Compre logo, antes que mude o preço.

abs,
lu.

Márcia Mendonça disse...

VALEU!!!!!!!!!!!!!
(Feliz e mais segura agora!)
Beijos.

Mel disse...

Luuu, olha eu aqui de novo!
hahahaha =D

Minha pergunta hoje é se vc sabe como é o esquema de guardar a mala no aeroporto lá em londres...pq eu vou ficar 2 meses e pouco lá, pretendo viajar nos fins de semana, até ai ok, pq posso deixar uma parte da bagagem no quarto em que ficarei, mas no final da minha viagem, vou ter uma semana mais ou menos pra viajar, provavelmente por low cost, ai não terei onde deixar a bagagem, que certamente estará maior após 2 meses, né? Só que meu vôo de volta é por londres mesmo, será que dá pra deixar esse tempo a mala no aeroporto? É seguro? Vc sabe quanto é mais ou menos?
Obrigadaa!
Mel

Luiza disse...

Mel,

o melhor a fazer é arrumar um bom amigo para tomar conta das malas para você. Custa muito caro armazená-las em qualquer lugar que seja.
De qualquer forma nestes links tem informações para te ajudar:
http://www.tripadvisor.com/ShowTopic-g186338-i17-k1859060-Baggage_storage_in_Heathrow_Airport-London_England.html
.
http://www.left-baggage.co.uk/
.
Eu usei e abusei de uma amiga, que não só guardou minha mala, como foi buscá-la na casa. Ela foi um anjo! Contudo já precisei usar do serviço em Paris, e custaria 4 euros/dia no hotel Ibis, só que conversnado com o gerente ele liberou guardar por 4 euros por 14 dias. Quem sabe você não dá esta sorte?! O melhor mesmo é buscar uma boa alma que você conheça.

abs,
lu

Márcia Mendonça disse...

Lu!!!! (sinto-me íntima já, rsrsr)
Consegui a passagem!
Indo dia 31! Espero mesmo que sirvam um champagne pra mim, rsrsrsrs.
Beijos.

Mel disse...

Huuuum, obrigada!
Espero conseguir essa boa alma! hahaha =D
Luu, outra coisa, recebi hoje a carta de acomodação! Resolvi isso com a escola para as primeiras semanas, depois pretendo arranjar algo mais em conta por lá...enfim, o endereço que eles me deram foi pra Willesden Green, zona 2. É zona 2 mesmo? Vou dar uma pesquisada pela internet, mas vc já ouviu falar desse local? Sabe se é relativamente perto das coisas?
Obrigada³³³³³³³³
=D

Luiza disse...

Márcia,
boa viagem!

Mel,

está não é uma má região, mas também não é uma das melhores. Fica na divisa entre a zona 2 e 3, só que é um pouco longe do centro mesmo, uns 30min de metro. Passei por lá uma vez perdida, e achei o bairro bonzinho.
Você vai pagar tarifa/passe semanal para zona 2.
Como é mais residencial, não tem muita coisa por lá. Contudo é perto de Marylebone e Regent's Park, os bairros mais nobres da cidade.

abs,
lu

Mel disse...

huum, entendi!
Então com um passe pra zona 1 e 2 consigo me virar tranquilo por lá, né?
Ainda não sei se vou ficar no campus de Picadilly ou no de King Cross...eles ficam a uns 30min de metrô tb?
As casas da rua pelo street view do google me pareceram bonitinhas.. hehehe mas será que tento arranjar algo melhor agora?
Se vc pudesse me dizer alguns bairros mais próximos e que vc acha que valem a pena, ficaria feliz, lu...vou ficar em quarto duplo com uma amiga, espero conseguir baratear um pouco os custos...
Beeijos, obrigada contínuo!

Anônimo disse...

Oi Lu, adoro seu blog, parabéeens!!!!

bom..

vou fazer intercambio de 1 mes em londres, vou como visitante/estudante, e se por acaso eu querer ficar mais tempo lá, trabalhar.. e tal.
posso mudar lá o meu visto?
tenho 18 anos, e recebo pensao do meu pai ate meus 21 anos, cerca de 300 pounds por mes, acho que ja da uma ajuda.
obg. ;)

Carlos.

Lilian disse...

Oi Luiza, tudo bem?

Estou pesquisando alguns vôos para Londres e queria saber qual o aeroporto mais bem localizado. São várias as opções de vôos e talvez escolher pelo aeroporto (depois do preço é claro) pode ajudar um pouco....

Ah, a Tam está com um preço bem próximo ao da KLM, Air France... e o vôo é direto. Você recomenda???

Obrigada!

Lilian

Luiza disse...

Mel,

é isto mesmo, basta passe para zonas 1 e 2 para você, deixe umas 5 libras de crédito no Oyster caso você precise ir na zona 3-9 (é debitada uma libra mais ou menos).
Ambos ficam longe, 20-30 min. O Picadilly é mais perto para você.

Sua moradia é boa, não esquenta. Acho que você tá bem localizada, outros bairros mais próximos no noroeste da cidade são caros. E é provisória até você encontrar outra, não se preocupe. Com um mês de antecedência busque um quarto nos links de acomodação citados no post.

Carlos,

obrigada!
Você precisa ir com o visto de estudante mesmo ou outro que te permita trabalhar (outros são mais difíceis). Como student visitor você não pode trabalhar, e não pode estender a estadia permitida. Já como student e outros você pode, apenas os Visitors (e suas respectivas subcategorias, ex.: student visitor, business...) não podem.

Como você é novo, é difícil conseguir um visto longo se não for para estudar em universidade. Você consiguirá no máximo um ano, podendo pedir mais um ano já lá. Em qualquer lugar do mundo, o visitante não pode trocar de visto ou prorrogar a estadia, mas aqueles com visto de residente podem (ex.: student, work permit...).

A renda de 300 libras é insuficiente, mas dá para pagar um aluguel modesto.

Lilian,

você tem de chegar pelo Heatrow, os outros ficam longe do centro e tem transporte caro até a zona 1. O Heatrow tem metro barato e rápido.
Sobre as companias aéreas, dentre os males escolha o mais barato e com menos escalas. A KLM é a mais confortável destas, já TAM e Airfrance deixam a desejar. As melhores mesmo são Lufthansa e Swiss Airlines, e a Qatar Airways não fede nem cheira.
Como pela TAM tá barato e o voô é direto, eu a escolheria.

abs,
lu

Anônimo disse...

Luiza,

Tudo bom? Minha dúvida é a seguinte: vc conhece a agência GO TO LONDON? Conhece alguém que já vajou por ela? tem recomendações? Obrigada.

Dan

Luiza disse...

Dan,
desculpa pela demora, estou em semana de provas.

Eu já ouvi falar dela, mas não conheço ninguém que tenha ido por ela, nem tenho recomendaçãos. Talvez na comunidade do orkut: Eu vou pra Londres, você encontre algo sobre a GO TO LONDON.

abs,
lu

Melissa Sousa disse...

Primeiro, parabens pelo blog (já virou até rotina =])
Me ajudou muito, tirou um zilhão de dúvidas minhas.

Luiza, estou indo pra Londres em janeiro passar um mes estudando na Embassy (nao conseguir ir sem agencia de viagem, minha familia é meio neurotica). Devo levar algo em torno de 1400 ou 1500 libras; você acha que dá? Outra coisa.. tenho um namorado aqui e vou passar meu aniversário lá, ele tá ficando louco porque vou ficar longe dele e não vou poder falar com ele. Você sabe como posso fazer pra falar com ele? Vou ficar em homestay, não sei como vou fazer, sei que tem o Skype mas ele quer que eu ligue pra ele =/ Ah.. meu ingles costumava ser alguma coisa, mas fiquei tanto tempo sem falar que não lembro de nada, só sei o básico.. você acha que vou ter muitos problemas pra entender o inglês britânico?

Luiza disse...

Melissa,
obrigada! bom saber que estou ajudando.

Como é para um mês, acaba tendo um desperdício menor indo por agência, sai tudo por preço parecido, excluindo as taxas.
Dinheiro: £200/semana tirando acomodação e escola. Como tenho certeza que você vai estar bem de turista gastona mesmo por ser pouco tempo, é isto que precisa. Portanto, esta levando mais do que o suficiente, levei menos do que £1500 para sobreviver por 1 mês, para além de sobreviver pagar a acomodação. Gastei ao todo £260/semana se não me engano, contando uso de cartão de crédito e meus luxos (comprando roupas e tudo mais).

Ligações: vai no post Londres, ai na barra direita onde tem lista de destinos. Lá vai ter maiores explicações no final com outras dicas. O resumo é: compra um celular, um SIM Card, adere a promoção de minutes internacionais, e liga à vontade pro Brasil. É absurdamente barato, gastava menos lá ligando pro Brasil do que aqui ligando pra fixo. Acredite se quiser, me custava £0.40/min ligar pra casa. Era tão barato que quando eu não tinha nada pra fazer, andava pelas ruas, ligava para minha avó e ficava descrevendo tudo o que tava vendo por 1-2 horas, e ainda sobrava crédito pro resto da semana.

Skype: pelo próprio Skype você pode ligar para fixo. A dica é criar uma conta para pagamento no cartão, com o endereço da sua residência em Londres, assim você paga muito menos taxa do que declarando que mora no Brasil, e pode falar muito mais para ligações pelo Skype. É só ir na opção "call phones", colocar a bandeira do país e o número, e você pode ligar do Skype como se fosse um telefone para outro.

Inglês britânico: nem os americanos que tem inglês como língua pátria entendem, não espere que você vá entender. É como português e o "brasileiro", a gramática e vocabulário são diferentes no uso cotidiano, além do "canto" e sotaque. Afiada ou não você vai pagar mico com eles, mas depois acostuma.
Por isso fique feliz em saber que vai passar por boba com seu inglês básico, assim como um colega que estudo nos EUA por um ano. É preciso entrar no ritmo dos britânicos, qualquer um consegue em poucos dias.

abs,
lu

naty disse...

Olá Luiza

boom pra começar em janeiro/2011 eu irei fazer um intercambio de 3 meses pra espanha, e depois como ja tranquei a faculdade e minha tia vai pra londres, me chamou pra ir morar com ela, so que eu queria fazer algum curso em londre tbm.
o que devo fazer pra ir direto da espanha pra londres?
preciso de visto, ou ja ter matricula em alguma escola..
grataaa

Luiza disse...

Naty,

primeiro você deve saber que para intercâmbio de tempo igual ou superior a 3 meses, na maioria dos países da UE, é necessário visto. Um exemplo e a Alemanha, estou indo para um intercâmbio lá no final deste ano e o consulado me orientou a tirar o visto se eu ficar lá por 3 meses.

Se você for ficar no UK por até 6 meses você não precisa de visto, mas não ganha direito a residência, e é preciso mostrar na imigração que seu objetivo não é se estabelecer lá.
Já se você pretende ficar mais tempo é necessário buscar o visto para residência, seja como estudante ou permissão de trabalho, dentre outros. Como trata-se da sua tia você não tem vínculo direto que te permitiria morar com ela (isto se ela tiver direito a residir no UK). Você poderia conseguir a residência caso fosse filha dela (com uma adoção ou algo assim). Necessitando de visto, basta ir ao consulado inglês na Espanha, e lembre-se que o processo pode demorar até 3 meses, dependendo do tipo de visto. Em última hipótese pode resolver isto na Inglaterra mesmo, contudo o processo seria menos favorável e lento, ou seja, seria improvavel conseguir.

Outro ponto, caso você fique o prazo máximo na Espanha, e vá para UK, lá você ganha novo prazo válido apenas em território inglês, contudo você não deveria retornar a UE dentro de ao menor 3 meses... nunca foi barrada por isto, ficando um intervá-lo de 2 meses só, então não eles não devem se preocupar com isto.

abs,
lu

Márcia Mendonça disse...

Oi Luiza!!!
Estou na fase de adquirir o seguro para a viagem e pesquisei a Mondial que vc indica. Realmente o preço é bem atrativo. Vc costuma comprar pela internet mesmo? Estou fazendo tudo sozinha desde a passagem (ai que liberdade!!!!rs). Eles mandam o que for necessário via correio será?
Obrigada de novo.
Bjss.
Márcia

Luiza disse...

Márcia,

eu compro online mesmo, sem medo, eles mandam tudo por e-mail. Contudo é bom sair imprimindo ( ou copiando se tiver programa para isto, ou printscreen) todas as páginas durante a compra, por precaução como em qualquer compra online.
Eu sempre faço isto e foi o que me salvou na TAP quando me mandaram o e-ticket de um voô com empresa errada, ou outro exemplo, quando te vendem executiva e você não tem o e-ticket correspondente, um simples printscreen do momento da comprar pode te salvar na hora de argumentar com a empresa.

Então, eles mandam tudo por e-mail, nunca me mandaram nada por correio, e eu também nunca solicitei. Eu imprimo o contrato e o meu seguro, além de informações importantes sobre como acionar o seguro.

Se você pesquisar na internet, ainda encontra códigos de desconto pelo google para a Mondial, eu peguei -30% na última vez com isto.

abs,
lu

Márcia Mendonça disse...

Lu ja deu certinho! E achei um desconto de 10%.
Recebi mesmo por email.
Valeu!!!

«Mais antigas ‹Antigas   1 – 200 de 375   Recentes› Mais recentes»
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...