Translate this page:

Poreč



Esta é a pequena cidade de Poreč...
Não, esta não é uma das minhas fotos. Sempre tiro ótimas fotos dos lugares que visito (humildade não é a minha onda). E as melhores fotos que tirei na vida foram em Poreč e Veneza, contudo sou péssima mexendo com as funções da camera, o que resultou em um prejuízo de 300 fotos acidentalmente deletadas de Poreč, Tar e Veneza (o último dia de visitas a parte histórica e o primeiro dia em Veneza com lindas fotos do hotel e da cidade). Por isso, fui obrigada a roubar algumas fotos ai pelo google, mas assim que eu voltar pra lá eu posto as de autoria própria... vocês não tem idéia de como eu fiquei irritada por ter perdido as fotos.

Sobre Poreč: trata-se de uma cidade que um dia foi a capital de Istra, uma região que a poucas decadas atras não fazia parte da Croácia. É banhada pelo belo Mar Adriático, e se você observar no mapa, diretamente na outra extremidade você verá Veneza.


Eu não me hospedei em hotéis, mas em casa de conhecidos em um vilarejo por perto. Hotéis na região não devem ser caros, já que tudo é barato lá, dentro dos padrões europeus, ainda assim é salgado para brazucas.

Andar pelas ruelas da cidade é o melhor programa para fazer. É circulando pelos becos super charmosos que você encontra os pontos turísticos da cidade, e vê as casinhas em um estilo típico da região. As lojas vendem boas lembranças para trazer para casa, mas não é tão barato quanto se espera, um simples chaveiro pode custar 20 Kuna (R$6). Bom de comprar na região é a famosa trufa branca ou preta, esta última é mais barata ecomum. Você pode ir a feira da cidade e comprar azeite de oliva com trufas brancas por um preço bem aceitável, e se dar ao luxo de experimentar a iguaria em casa, ou até mesmo em restaurantes, pratos que tem trufas como igredientes não são caros.

Se você gosta mesmo é de história e não de uma boa barganha em ferinhas, basta ir até ao "antigo centro", adentrando na cidade pela praça principal.
Lá você encontra uma Basílica impressionante, Eufrazijeva bazilika, diferente de outras que você já viu, com mosaicos que datam de 350 d.C. originalmente de uma casa romana, já a igreja mesmo data de 553. Da torre dos sinos você tem uma vista incrível da cidade, encantadora. 


Não deixe de jantar no restaurante da "Torre Pentagonal", a comida é típica e ótima, e o clima é de romance total na cobertura, perfeito para os casais, e com uma bela vista da ciddade, é encantador. 


Agora vou colocar umas fotos que sobreviveram, pois foram tiradas ao acaso no primeiro dia.
Bem, a marina da cidade é um ponto turístico, tem bons restaurantes (já falei que eu adoro comer?! amo ir a restaurantes), e tem uma ótima feira com tudo que você procura da região, não deixe de ir! E se você for andando pelas ruas estreitas encontrará muita coisa, como lojinhas e restaurantes escondidos, além de sorveterias. A cidade é meio que uma Búzios, só que com muito mais história pra contar e charme!


Além dos restaurantes típicos, de frutos do mar que você encontra na marina... alias, a vida pela marina é bem badalada, tem boates e muitos jovens! As boates são demais, muito boas, e pelo que vi a festa é boa e só da gente bonita, então fica a dica pros solteiros, foi a melhor noitada que vi durante a viagem.






Como eu ia dizendo, além dos restuarnates de frutos do mar, tem muita pizzaria na região, e boas! Para quem quer salvar dinheiro é a melhor opção, pois são bem baratas e tem grandes porções.

Quem vai a Istra, esta região de veraneio na Croácia, acaba vendo várias cidades, uma pertinho da outra, então não deixem de ler os próximos posts sobre as demais cidades visitadas em 4 dias por lá.

Um beijo do gordo!
Inté!

Um comentário:

Julio turisticamente correto disse...

Olá Luiza, adorei o seu blog também, obrigado pela indicação do meu blog, estou indicando o ondeporai lá também e vamos viajar juntos!

Parabéns pelo blog, e meus pêsames pelas fotos deletadas rs rs, mas as sobreviventes ficaram ótimas!

Um Abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...