Translate this page:

Bruxelles

Amigos me pediram para exagerar na quantidade fotos... seu pedido, é uma ordem. Volto a postar com mais imagens.

Bem, foi uma parada bem breve por lá... uma noite e um dia.
Era no caminho entre Amsterdam e Köln, então, por quê não? Fomos para lá.

Me hospedei em um hotel que é horrível, me arrependi amargamente pelo preço que paguei (60 euros), melhor teria sido ir para um Ibis, ou outro da rede Accor por pouca diferença de valor. O nome do hotel que vocês não devem ir é: Van Belle Hotel!
É um laberinto lá dentro, o quarto fede, é desconfortável, a internet não pega, o banheiro é ruim, a cama é ruim, ninguém leva a sua mala até o quarto ou explica como chegar lá (e é quase impossível chegar). Não recomendo a ninguém.


Agora sobre Bruxelas... A cidade é muito bonita, no centro histórico, fora dele fica um pouco feia.

O que mais me impressionou, depois das lojas com 250 diferentes tipos de cerveja, foi La Grand-Place. Trata-se de uma praça no coração de Bruxelas, com Câmara Municipal de Bruxelas, o Hôtel de Ville e outros prédios de assustar de tão bonitos.


Após passar por ali, me perdi em umas das ruas da cidade, seguindo os japas e outros turistas. Acabei encontrando o Manneken Pis. E já fica a dica: se você tá em algum lugar despreparado, sem ter pesquisado nada pra ver antes da viagem, siga as excursões e/ou os japoneses!


O Manneken Pis é a maior atração da cidade, as pessoas se divertem tirando fotos dele, que sempre anda bem vestido, com roupas feitas especialmente para ele em celebração a alguma data ou evento. Até de capoerista ele se vestiu! No museu em La Grade-Place você pode ver todas as roupas que ele já vestiu em um acervo.
Aparentemente, o Manneken Pis tem uma amiguinha, sua versao feminina, mas é bem menos famosa, e passou despercebida por mim. Só tomei conhecimento de sua existência depois, e fiquei curiosa e com vontade de voltar lá só pra vê-la.




Após ver aquele "mijão", continuamos atrás dos turístas, compramos waffles, escargot, e outras comidas pelas ruas.


Admiramos os murais de cartoons em prédios com os famosos personagens: Tintin, Astérix or Lucky Luke. Até encontramos as Galeries Royales Saint-Hubert. Simplesmente maravilhosa!





Ainda perto das galerias, de charme indiscutível, fomos fazer o nosso "almojanta" em um ótimo restaurante, que infelizmente não lembro o nome para recomendar.







Mais tarde seguimos saracoteando pelas ruas, pegamos um ônibus, nos perdemos, e fomos parar em Mont Des Arts, após atravesá-lo e subirmos a rua seguinte, encontramos La Place Royale. Trata-se de uma praça onde você encontra Le Musée: Belvue, Royal de Beaux-arts, des instruments de musique, e Magritte. Além dos vestígios do antigo Palais de Bruxelles: Coudenberg.















Tendo visto isto, seguimos até Le parc de Bruxelles, ou Parc Royal, onde você encontrará belas esculturas, além de tranquilidade. Seguindo por ali, encerramos o dia no Palácio da Nação.


Ao deixar Bruxelas passamos pela Cinquantinarie Arch, construído para celebrar os 50 anos de independência da Bélgica, antes território Holandês. É uma das coisas mais lindas que já vi também.


Existem diversas outras atrações em Bruxelas, não citadas aqui, isto devido ao curto tempo (24h) neste destino. Então aqui vai um site interessantes: http://www.bruxelles-tourisme.be/tourisme/

Au revoir!

3 comentários:

A SUA MAE disse...

Muito bom o post sobre Bruselles. Adoro!
Muitas coisas para um dia só.

Theane disse...

Caramba!! Como assim eu encontro você aqui? Estou pesquisando com Gui um roteiro para nossa viagem pra Europa, fui ver sobre Bruxelas (estou na maior dúvida pois tenho 2 ou 3 dias sobrando entre Paris e Amsterdam e não sei se conheço o Vale do Loire na França ou se vou pra Bruxelas)e vejo uma foto com Uli! Daí vi que era vc postando. kkkk.
Bom te encontrar!
Bjo

Luiza disse...

Oi Theane!

hahaha muito legal que você veio parar aqui por acaso. Manda um abraço pro Gui!
Agora, se tu vai de Paris a Amsterdam para em Bruxelas, nem que seja por 4h... dá uma volta pela Grand Place e pronto. Agora Vale do Loire dizem que é lindo... mas sinceramente não me convence pelas fotos. Só tem uns dois castelos que acho fascinantes.

Uli vem pro Rio por 2 meses em fevereiro (espero...), quem sabe não nos encontramos.

Bjão,
Lu!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...